Mãe e Criança Indígenas são transportadas pelo Harpia 01 do Acre

O Centro Integrado de Operações Aéreas do Acre em parceira, fruto de convênio, com o SAMU efetuaram vários resgates durante o ano.

No ultimo dia 16/12 uma equipe do Ciopaer e SAMU resgatou a mãe indígena da etnia Jaminawá, 15 anos, e seu bebê que nasceu com o abdômen aberto e o intestino exposto. O fato ocorreu na comunidade Icuriã que fica próximo a fronteira com o Peru à 200 quilômetros da  Capital acriana em linha reta já nos limites do município de Assis Brasil.

Segunda reportagem 05

A localidade é de difícil acesso e durante o inverno amazônico os meios de transporte são os barcos pelos rios e igarapés da região o que demanda mais de seis dias de viagem até a cidade mais próxima.

O bebê foi submetido a uma cirurgia complicada e os médicos aguardam a reação dele. A mãe passa bem.

Os integrantes da Equipe foram: Comandante Capitão PM Samir, Co-opiloto APC Arlen, TOP Bombeiro Rafael e a Enfermeira do SAMU/Acre Solange.

 

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

cinco × 2 =

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários