A Boa Prática de Manutenção

- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

A Organização de Aviação Civil Internacional (OACI) sugeriu por meio de vários documentos que as organizações de
manutenção que pudessem desenvolver um sistema o qual se chamasse “A Boa Prática de Manutenção” a ser seguido pelo de manutenção. Esta prática melhoraria o padrão da manutenção, manteria o padrão de aeronavegabilidade e igualmente conduziria à redução dos acidentes e incidentes aeronáuticos.

100hEm função do avanço tecnológico da indústria aeronáutica, as tarefas de manutenção tornaram-se cada vez mais precisas. Os fabricantes de aeronaves e equipamentos transmitem instruções detalhadas para a manutenção de seus produtos. As autoridades reguladoras elaboram leis e regulamentos que são relacionados geralmente à segurança de passageiros em viagem. Entretanto, há normas de trabalho aceitáveis que não podem ser classificadas como regras e regulamentos.

Essas normas são as boas práticas de manutenção que precisam ser institucionalizadas em cada organização de manutenção, as quais ajudarão o pessoal técnico a realizar seus trabalhos mais detalhados e de uma maneira mais profissional.

Colocam-se aqui as boas práticas de manutenção sob a forma de listas de verificação. Essas listas constituem-se de
perguntas de introspecção pessoal de várias técnicas que devem ser realizadas durante cada tarefa. A aderência incondicional às práticas contribui à segurança de voo e ajudará a conseguir o objetivo de padronizar a execução da tarefa e realçar a importância da manutenção da aeronavegabilidade.

Este artigo técnico de aeronavegabilidade foi elaborado com o interesse de contribuir para a melhoria dos padrões da manutenção, assim como os das pessoas da organização envolvida em atividades de manutenção aeronáutica.

Tendo como foco a possibilidade de elevar o nível do padrão da aeronavegabilidade foram preparadas as seguintes listas de verificação que cobrem vários aspectos das boas práticas de manutenção, as quais estão inseridas neste artigo técnico:

1) Lista de Mínimos Pessoais;
2) Lista do Gerente de Manutenção;
3) Lista de Manutenção de Hangar;
4) Lista de Manutenção de Pista;
5) Lista de Manutenção de Oficinas Especializadas.

É desnecessário dizer que cada indivíduo ao empreender uma tarefa de trabalho na manutenção deve portar a lista de verificação de “Mínimos Pessoais” e deve seguir esta lista de verificação antes do começo do trabalho e após a sua conclusão. Isso igualmente ajudará a realçar a confiança individual, no que diz respeito ao trabalho realizado.

Deve-se ter em mente, ainda, a necessidade de uma lista de verificação na manutenção de maior área específica, isto é, na manutenção de hangar, na manutenção de pista, nas oficinas, etc.

Os representantes da autoridade da Aviação Civil, ao realizar a fiscalização, podem confirmar o cumprimento dos aspectos acima.

Lista de Mínimos Pessoais

Esta é uma das listas de verificação citadas acima e o pessoal da manutenção deve portá-la e segui-la quando da realização de tarefas de manutenção de aeronaves, equipamentos e componentes. Assim, a lista de verificação ajudará definitivamente a pessoa a realizar as atividades de manutenção de maneira apropriada e segura.

O Primeiro Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos condensou a lista de verificação de “mínimos pessoais” em uma tabela e estimula a utilização em sua empresa ou organização.

Nesses termos, o sugere-se ao mecânico de manutenção aeronáutica que responda 10 perguntas, colocando SIM ou NÃO antes que a tarefa de manutenção seja começada e 10 perguntas colocando SIM ou NÃO depois que a tarefa for terminada. Se o mecânico responder “NÃO” a qualquer uma das 20 perguntas, a aeronave não deve ser retornada ao serviço.

Segue-se abaixo a lista de verificação e o SERIPA I autoriza a sua reprodução no âmbito das empresas e organizações de manutenção. A lista de verificação pode ser dividida em duas partes antes e depois de cada tarefa e deve conter pelo menos as seguintes perguntas:

PARTE I (ANTES DA TAREFA)

Responda SIM ou NÃO

– Eu tenho o conhecimento para executar a tarefa?
– Eu tenho os dados técnicos para executar a tarefa?
– Eu já executei esta tarefa anteriormente?
– Eu tenho as ferramentas e os equipamentos apropriados para executar a tarefa?
– Eu tive o treinamento apropriado para realizar a tarefa deste trabalho?
– Eu estou preparado mentalmente para executar a tarefa deste trabalho?
– Eu estou preparado fisicamente para executar a tarefa deste trabalho?
– Eu tomei as precauções de segurança apropriadas para executar a tarefa?
– Eu tenho os recursos disponíveis para executar a tarefa?
– Eu tenho os procedimentos e normas reguladoras para assegurar a conformidade?

PARTE II (APÓS A TAREFA)

– Eu executei a tarefa com o melhor de minhas habilidades?
– A tarefa foi executada e está igual ao original?
– A tarefa foi executada de acordo com dados apropriados?
– Eu usei todos os métodos, técnicas e práticas aceitáveis à manutenção?
– Eu executei a tarefa deste trabalho sem pressão, estresse ou distração?
– Eu inspecionei novamente meu trabalho ou mandei alguém inspecionar meu trabalho antes de dar o retorno ao serviço?
– Eu fiz os registros apropriados para o trabalho executado?
– Eu executei as verificações operacionais depois que o trabalho foi terminado?
– Eu limpei a área após a conclusão do trabalho?
– Eu estou disposto a assinar em baixo o trabalho que executei?

NOTA: Não memorize. Consulte sempre a “lista de mínimos pessoais” e a página do manual para os corretos valores e procedimentos recomendados. Assegure-se de que a página dos procedimentos do manual esteja atualizada e disponível ao realizar o trabalho.

Caro leitor, agora que você já sabe o que são “mínimos pessoais” na manutenção de aeronaves, desejamos um bom trabalho na elaboração e no uso deste checklist para ajudar a manter a qualidade das tarefas de manutenção. Contribua com o trabalho do Sistema de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos – SIPAER para manter o excelente nível de segurança de voo das aeronaves civis brasileiras.

Fonte: INFORME SERIPA I

- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários