- Anúncio -

Nova Zelândia – A Airbus entregou no dia 13 de agosto dois helicópteros H145 para os Serviços Médicos de Emergência de Helicópteros da Nova Zelândia (New Zealand Helicopter Emergency Medical Services), em uma cerimônia na sede do GCH Aviation Group.

O ministro da Saúde da Nova Zelândia, David Clark, que estava presente na cerimônia oficial de entrega, disse que os dois helicópteros serão empregados em Christchurch e Dunedin.

“Eles realizam serviços de atendimento pré-hospitalar e de transferência entre hospitais em toda a região sul”, disse Clark em um comunicado. “Isso abrange toda a Ilha do Sul, assim como a Ilha Stewart, as Ilhas Chatham e as Ilhas Auckland. Essas ambulâncias aéreas fornecerão acesso rápido a serviços de saúde especializados, o que é especialmente valioso para pessoas em comunidades rurais e remotas. Eles ajudam a assegurar acesso justo aos serviços de saúde por todos os neozelandeses, não importa onde morem e não importa quem sejam.”

New Zealand Helicopter Emergency Medical Services. Foto: Airbus.

O diretor da Airbus Australia Pacific, Andrew Mathewson, disse que esses foram os dois primeiros helicópteros H145 em configuração de serviços médicos de emergência (EMS) no mercado da Nova Zelândia. “Estou orgulhoso de que os helicópteros da Airbus estejam prestando serviços médicos vitais e ajudando as comunidades entre Christchurch e Dunedin, operados pela New Zealand Helicopter Emergency Services”.

Este helicóptero multimissão pode ser configurado para serviços médicos de emergência, polícia, transporte de passageiros, incluindo a aviação privada e de negócios e operações offshore. Para operadores multimissão, o H145 pode ser reconfigurado para diferentes funções de maneira rápida e fácil.

O H145 é muito utilizado para serviços médicos de emergência e missões de resgate, graças à sua herança HEMS bem estabelecida com seus predecessores BK117 e EC145. Ele é silencioso e é equipado com a aviônica de última geração da Helionix. O helicóptero bimotor possui sistemas de rotores principais e de cauda atualizados. Isso garante um alto nível de desempenho nas condições de pairado e um motor inoperante.

A tecnologia Fenestron oferece segurança, além de redução da demanda de potência em voos e menores níveis de ruído e vibração. Com uma frota global de mais de 1.400 helicópteros da família H145, a frota acumulou mais de cinco milhões de horas de voo. Somente na Nova Zelândia, existem atualmente 41 equipamentos da família de helicópteros H145, na atividade aeromédica, de busca e resgate, de serviços públicos e de aviação executiva.

New Zealand Helicopter Emergency Medical Services. Foto: Airbus.
- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários