Avião monomotor e Águia da PM ajudam no combate a incêndio

O Corpo de Bombeiros trabalhou durante todo o dia para controlar os focos de incêndio que surgiram no meio da pastagem na fazenda Santo Antônio, em Bauru, interior de São Paulo, no dia 24/06. Duas aeronaves – um avião monomotor e o helicóptero águia da Polícia Militar – também ajudaram no combate ao fogo.

O incêndio, que começou na noite de segunda-feira (23), consumiu mais de mil hectares de pastagem. Com a vegetação seca, as chamas se espalharam rapidamente. Este é o quarto incêndio nesta fazenda em menos de dois meses, segundo o Corpo de Bombeiros.
A fumaça chegou a avançar pela rodovia, levando perigo aos motoristas. O vento também levou a poluição para Bauru e vários bairros e o centro foram atingidos pela fuligem.

A fumaça não chegou a afetar as decolagens e pousos no aeroporto Moussa Tobias, que fica bem próximo da área, que estava ocupada há cerca de um mês por 250 famílias ligadas ao Movimento Sem-Terra.

Enquanto os bombeiros trabalhavam para acabar com o incêndio, um oficial de justiça dava cumprimento á reintegração de posse da área. A tropa de choque acompanhou a retirada dos acampados.

Fonte: G1.

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

18 + três =

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários