Batalhão de Operações Aéreas/MG deverá adquirir quatro helicópteros e dois aviões

- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

Baseado no aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte/MG, e atualmente operando dois helicópteros AS350 B3 Esquilo e um avião Cessna Centurion, o Batalhão de Operações Aéreas do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (BOA CBMMG) estrutura-se para expandir suas capacidades.

AS350 B3 Esquilo BOA CBMMG

Tendo em vista convênio firmado, no final do ano passado, entre a Secretraria de Estado da Sáude e o Corpo de Bombeiros, segundo fontes ouvidas por T&D, a unidade estaria se preparando para receber novos equipamentos na forma de quatro helicópteros biturbina configurados e equipados para a realização de atividades de salvamento aéreo, resgate aeromédico e combate a incêndios, e dois aviões turboélices monomotores destinados ao transporte de homens e material, ligação entre unidades e apoio logístico. Conforme convênio, se adquiridas, essas aeronaves serão tripuladas com médicos da Secretaria. O edital da licitação deverá ser divulgado no mês de fevereiro.

A quantidade de encomendas, caso se confirmem, sugere fortemente que o BOA deverá inaugurar sua 1ª base de operações fora do entorno da capital do estado, Belo Horizonte. Conforme informações apuradas por T&D em 2012, as cidades com maiores chances de receber os “Arcanjos” do BOA nessa fase de expansão de suas atividades são Montes Claros e Juiz de Fora, devido a estratégica localização próximo aos corredores rodoviários e a grande concentração populacional das regiões. A criação de bases do BOA CBMMG em pontos estratégicos do interior deverá agilizar bastante o atendimento, diminuindo o tempo de resposta ao acionamento de uma ocorrência.

A introdução de avançados helicópteros biturbinas confirma a tendência mundial de operação de aeronaves de maior porte e capacidade nos grandes centros, devido a grande confiabilidade e reserva de potência proporcionada pelos dois motores utilizados pela aeronave.

Desta forma, o BOA continua se adequando as demandas previstas para a realização do evento FIFA Copa do Mundo de Futebol 2014 no Brasil, já que Belo Horizonte é uma das cidades sede do mundial. Com a expansão da região metropolitana da capital e de várias cidades do interior mineiro, a chegada destas novas aeronaves trará uma nova dimensão as capacidades do Batalhão de Operações Aéreas do CBMMG.

Fonte: Tecnologia e Defesa / Foto: Roberto Caiafa

- Anúncio -

1 COMENTÁRIO

  1. Parabéns ao BOA/CBMMG por esta nova empreitada em socorro às comunidades mineiras. A competência de seus integrantes será o principal fator propulsor das ações e operações a serem desencadeadas. Parabéns aos governantes na acertada decisão de inserir o BOA nesta nova dinâmica de resgates aeromédicos a partir deste convênio visionário. Parabéns ao povo mineiro que passa a contar com mais uma ferramenta estratégica de apoio aos momentos difícies de seus entes. Bombeiro, o amigo certo nas horas incertas. Att. Tenente Tassinari – 3ª CORPAER/BTLRPAer/PMMG

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários