BRPAe São José dos Campos comemora seu 7° Aniversário com salvamento a 8.100ft

- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

Dia 26 de março de 2011, data comemorativa do 7° aniversário da Base de Radiopatrulha Aérea de São José dos Campos, unidade destacada do Grupamento de Radiopatrulha Aérea “João Negrão”, da Polícia Militar do Estado de São Paulo, seria mais um típico dia de serviço da equipe de plantão, senão o acionamento da aeronave, às 06:15h, a fim de proceder o salvamento de um casal de aventureiros, isolados nas proximidades da Pedra da Mina, localizada entre os municípios de Queluz (São Paulo) e Passa Quatro (Minas Gerais).

Salvamento Pedra da Mina. Foto: Nivaldo dos Santos Furlan.

A Pedra da Mina é a quarta montanha mais alta do Brasil, considerada o ponto culminante da Serra da Mantiqueira e do Estado de São Paulo, com 2.798m, aproximadamente 9.179ft de altitude.

Essa ocorrência chegou ao conhecimento da BRPAe São José dos Campos um dia antes, em 25 de março, quando os aventureiros, já em situação de emergência, sem comida e sem água, mas felizmente de posse de um celular, ligaram para o número 190, sendo atendidos pelo COPOM do Comando de Policiamento do Interior-1 (CPI-1), localizado no município de São José dos Campos-SP.

A aeronave próxima a Pedra da Mina.

A ocorrência foi retransmitida à BRPAe, que passou a gerenciar o atendimento, visto que o Águia 08 estava fora, em atendimento de ocorrência no município de Cunha – SP, auxiliando nas buscas de duas irmãs adolescentes, desaparecidas desde 23 de março, conforme noticiado na imprensa.

O Policial Militar de serviço na BRPAe entrou em contato via fone com as vítimas, a fim de colher informações das condições físicas de ambos, bem como o local exato onde se encontravam, o que foi possível em razão do casal estar de posse de um equipamento GPS. As informações foram repassadas à tripulação do Águia 08, que imediatamente se deslocou para a Pedra da Mina a fim de realizar a busca.

Local do salvamento. Foto: Nivaldo dos Santos Furlan.

Já sobrevoando o local, conforme as coordenadas geográficas repassadas, foi então realizado contato visual com as vítimas, estando estas um pouco mais abaixo do pico principal, a 8.100ft. Porém, em razão das condições meteorológicas que se deterioravam rapidamente, com formação de densas nuvens sobre o maciço, vento, chuva, além das perigosas nuvens cumulus nimbus que se aproximavam, formações típicas das tardes de verão, por óbvia questão de segurança a missão foi imediatamente abortada.

Por hora, nada mais podia ser feito. A aeronave tinha que regressar à Base, em razão das condições meteorológicas e proximidade do horário do pôr do sol.

Indicação de 8.100 ft no altímetro da aeronave.

Diante da confirmação do contato visual com as vítimas, e a impossibilidade do apoio aéreo naquele momento, o COPOM do CPI-1 acionou o Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, tendo este composto uma equipe para prosseguir por terra.

O acesso à Pedra da Mina por SP é muito dificíl, necessitando de dias de caminhada e pessoal especializado com equipamento de escalada. Por Minas o acesso é mais fácil, porém bastante árduo. São necessárias ao menos 6 horas de caminhada para subir e mais 6 horas para retornar, totalizando assim 12 horas, carregando cada um, no mínimo, 12kg de equipamentos, vestimentas, comida e água.

Vista panorâmica da cidade de Cruzeiro/SP.

Conforme declarações dos componentes da equipe de serviço, uma noite mal dormida foi unânime em razão da preocupação com a missão de “voar para servir”, com a esperança e expectativa de realizar o salvamento daquelas pessoas isoladas na montanha.

Finalmente no sábado, 26MAR2011, ao amanhecer, o Águia 08 decolou de São José dos Campos com destino a Pedra da Mina, onde, devido a condições meteorológicas favoráveis, logrou êxito em realizar o salvamento por volta das 09:00h, efetuando o embarque das vítimas à baixa altura, com o altímetro marcando 8.100ft. Com as vítimas sãs e salvas, entregues aos cuidados do Corpo de Bombeiros do município de Cruzeiro, a aeronave regressou à Base.

Casal resgatado da Pedra da Mina pela equipe do Águia 08.

Agradecidos ao Criador pela proteção e mais uma oportunidade de bem servir, concluir essa missão com pleno êxito foi um especial presente pela comemoração do 7° aniversário da criação da Base de Radiopatrulha Aérea de São José dos Campos.

Confira a notícia do VNews-Globo:

Equipe do Águia que participou do salvamento:

– Cap PM Furlan
– Cap PM Paulo
– 1° Sgt PM Marcondes
– 1° Sgt PM Félix
– 1° Sgt PM Nascimento
– Cb PM Fausto
– Cb PM Edmilson
– Sd PM Gomes e
– Sd PM Jackson.


Fonte: divulgação GRPAe.

Fotos: Nivaldo dos Santos Furlan.


- Anúncio -

10 COMENTÁRIOS

  1. Parabéns a equipe pelo êxito no salvamento.
    Parabéns ao Sr Nivaldo pelas fotos.
    Parabéns a todos nobres integrnates da BRPAe SJC pelos 7 anos de operação no Vale do Paraíba.

  2. MOTIVO DE MUITO ORGULHO PRA TODOS NÓS QUE FAZEMOS A AVIAÇÃO DE SEGURANÇA PÚBLICA E DE DEFESA CIVIL NO BRASIL, POIS É UM EXEMPLO TÍPICO DE QUE, COM SEGURANÇA E DE FORMA PLANEJADA, É VÁLIDO TODOS OS ESFORÇOS NA BUSCA DA PRESERVAÇÃO DE VIDAS.
    PARABÉNS NOBRES ÁGUIAS !!!
    CAP PMPE ROMILDO – ASP92.

  3. Parabéns aos Águias pelo êxito na Missão. Saibam que o sucesso dos senhores é motivo de alegria para os que fazem a aviação de segurança pública no Brasil. Que Deus continue os iluminando em cada vôo.

    Forte abraço!!!!!

    1º Ten PMPE Guilherme

  4. Parabéns ao Major Henrique e todos os integrantes de SJC pela batalha diária nesses 7 anos de luta. Parabéns tb à tripulação pelo gerenciamento da ocorrência de salvamento em condições adversas e diferentes da rotina.

    Abs e bons voos !!

    Cap PM Gallo Rodrigues e equipe
    BRPAe Praia Grande

  5. Parabéns a toda corporação do aguia de São Jose dos Campos,admiro muito o trabalho de todos tripulantes e oficiais do aguia.Sou amigo de intimidade do sd Neves e estamos sempre a conversar a respeito do glorioso trabalho que o grupamento aéreo da POLICIA MILITAR realiza na nosso cidade.Pena não ter aproveitado as duas grandes chance de entrar na policia,pois se as tivesse novamente com certeza fazeria tudo pra participarticipar desse honroso departamento da policia militar de São Paulo.Parabéns a todos.

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários