- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

Mato Grosso – Para celebrar os 13 anos da unidade, o Centro Integrado de Operações Aéreas (CIOPAER) entregou 43 medalhas Aviação da Segurança Pública – Mérito Águia Uno, a maior honraria da unidade para personalidades que prestaram bons serviços em prol da aviação da segurança pública. A solenidade foi realizada na noite de sexta-feira (19), no salão Clóves Vettorato, no Palácio Paiaguás.

O governador Mauro Mendes foi um dos agraciados com a medalha e anunciou que o CIOPAER vai incorporar na frota uma UTI aérea, o que deve reduzir os gastos da saúde com este serviço. O avião escolhido para o projeto é o Piper PA-31T Cheyenne.

“Nós já estamos buscando conversas com nossos parceiros para que tenha uma segunda unidade de UTI área. Nós tomamos essa decisão no início da gestão ao analisar os números do ano passado que eram assustadores. A Secretaria Estadual de Saúde gastou R$ 14 milhões só de UTI aérea. Nos primeiros meses do ano era R$ 1,4 milhão, R$ 1,5 milhão com UTI aérea, um número bastante expressivo e, por isso, buscamos criar junto ao CIOPAER este novo serviço que ainda será incorporado, e vamos voar com o custo pela metade”, destacou o governador. A medida ainda não tem data prevista para funcionar.

O Ministério Público será um dos parceiros para a implantação do serviço. Por meio de recursos de Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), o órgão vai destinar R$ 800 mil para a reforma e transformar um avião em UTI aérea. “Isso será muito importante, pois deve gerar uma economia ao estado, que tem um custo milionário mensal com o serviço”, disse o procurador-geral de Justiça, José Antônio Borges Pereira.

O governador Mauro Mendes foi um dos agraciados com a medalha e ele anunciou durante a cerimônia de que o Cioaper vai incorporar na frota uma UTI aérea – Foto por: Carol de Vita
- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários