- Anúncio -

Distrito Federal – O Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal compareceu a 5ª Vara Federal de Presidente Prudente, São Paulo, para retirar o termo de autorização de uso da Aeronave Eurocopter modelo EC 130B4, proferido pelo Juiz Federal Bruno Santhiago Genovez.

Este helicóptero foi apreendido pela Polícia Federal com cerca de meia tonelada de drogas, em abril deste ano, e agora será utilizado para salvar vidas. Com a assinatura do termo, o Corpo de Bombeiros inicia procedimento para regularização da aeronave junto à Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).

Segundo o Registro Aeronáutico Brasileiro (RAB) da ANAC a aeronave é 2008 e está com sua situação de aeronavegabilidade normal e válida. Esse foi o primeiro passo dado. Agora, o Corpo de Bombeiros iniciará um longo trajeto burocrático até que seja definido como operador da aeronave e coloque a máquina para voar em missões de salvamento e resgate.

Esse processo inclui regularizar sua condição de aeronavegabilidade, manutenção, instalação e licença de estação rádio, contratação de seguro aeronáutico, combustível de aviação, adaptação dos pilotos e mecânicos, novo grafismo, além de instalação de equipamentos aeromédicos e inclusão da aeronave no patrimônio do Bombeiro.

Atualmente o Grupamento de Aviação Operacional (GAvOp) utiliza um helicóptero AS350B2 – Esquilo e um EC135 para o resgate aeromédico e dois aviões Air Tractor 800F para combate a incêndio florestal.

- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários