Crianças com deficiência visitam Grupamento Tático Aéreo do Amapá

- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

Amapá – Um grupo de 40 alunos composto por crianças com deficiências físicas, visuais, auditivas e intelectuais visitou na manhã desta quarta-feira, 20, o Grupamento Tático Aéreo do Amapá (GTA).

Estudantes das escolas estaduais José Ribamar Pestana, Isonete Victor dos Santos e Afonso Arinos tiveram uma manhã diferente, na qual puderam conhecer a rotina do grupamento e ver de perto os equipamentos e veículos utilizados na atuação dos profissionais.

Crianças com deficiência visitam Grupamento Tático Aéreo do Amapá
Crianças com deficiência visitam Grupamento Tático Aéreo do Amapá

A programação faz parte da semana de Luta das Pessoas com Deficiência e se divide em três etapas: a visita às instalações do GTA, um passeio à Fortaleza de São José de Macapá na quinta-feira, 21, e encerramento com atividades lúdicas, sessão de fotos, exposição de textos e desenhos dos alunos sobre o que vivenciaram durante o projeto, que deverá acontecer na sexta- feita, 22.

A iniciativa da visita ao GTA partiu dos professores das três escolas que coordenam o projeto “Um Olhar Para a Inclusão”, colocado em prática no ano passado e tem como objetivo novas experiências a todos, combatendo o preconceito, estimulando o respeito às diferenças e valorizando a diversidade por meio do reconhecimento da igualdade.

Interagir com a sociedade através de passeios em pontos turísticos da cidade e instalações dos órgãos que fazem a segurança pública vai proporcionar aos alunos experiência de interação.

“Eles estão sendo estimulados a conviver em sociedade, a estar mais perto da comunidade, a ter essa sensação de que eles também são cidadãos, que têm direitos e deveres e, assim, precisam conhecer como se dá a organização dessa instituição militar dentro da sociedade”, destacou a coordenadora do projeto, professora Laudicleia Carvalho.

“Nunca pensei que eu fosse chegar tão perto do helicóptero do GTA e também saber como eles atuam na segurança. Eu imaginava que eles só faziam a segurança, hoje sei que eles também ajudam a salvar vidas”, disse a estudante Josilene Silva, encantada com o que viu e participou.

“Essa aproximação com os alunos é importante para desmistificar muita coisa que se cria em relação ao nosso trabalho. A nossa atuação é humanizada. Buscamos ajudar pessoas em situação de risco entre outras atividades que até então eram desconhecidas por parte dos estudantes”, disse o comandante do GTA, Ajaje Rachid.

Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência

O Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência foi instituído pelo movimento social em Encontro Nacional, em 1982, com todas as entidades brasileiras. Foi escolhido o dia 21 de setembro para marcar a causa, que tem como lema buscar a implantação de políticas de inclusão social das pessoas com deficiência, compreendida como a eliminação de barreiras físicas, psicológicas e de comunicação, promovendo, assim, as condições adequadas para garantir sua inserção na sociedade.

Fonte: Diário do Amapá.

- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários