As Novas Aviadoras da Aviação Policial da PMERJ

- Anúncio -

Rio de Janeiro – Duas policiais militares foram formadas, sexta-feira (02/10/09), no Curso Teórico de Piloto Privado e Comercial, ministrado pela Escola de Aviação da PMERJ (EsAv). No total, 18 militares e 1 Policial Rodoviário Federal receberam seus diplomas.

Formando do Curso de Piloto de helicóptero minitrado pela Escola de Aviação do GAM da PMERJcruso
Formandos do Curso Teórico de Piloto Privado e Comercial ministrado pela Escola de Aviação do GAM da PMERJ

O curso iniciou em 30 de janeiro de 2009, com 10 oficiais do Estado do Rio de Janeiro, 08 oficiais do Estado do Tocantins e 01 Policial Rodoviário Federal.

O curso teve duração de 08 meses, onde foram realizados diversos testes simulados da prova da ANAC, até realizarem a banca de Piloto Privado, onde obtiveram 100% de aprovação.

Em outubro o Curso encerrou-se e deixou os formandos aptos a realizarem a banca de Piloto Comercial da ANAC.

Dentre os formandos da PMERJ, estão duas policiais militares femininas, que, futuramente, irão pilotar aeronaves na Corporação.

Formandas do Curso de Piloto de helicóptero minitrado pela Escola de Aviação do GAM da PMERJ
Formandas do Curso Teórico de Piloto Privado e Comercial ministrado pela Escola de Aviação do GAM da PMERJ

Conforme relata Raquel Ventura Rodrigues, 1 Ten da PMERJ – GAM, “No concurso de seleção foram exigidos conhecimentos sobre Regulamento de Tráfego Aéreo, Meteorologia Aeronáutica, Conhecimentos Técnicos de Aeronaves e Inglês.”

Além das provas teóricas também foram exigidos exames físicos em caráter eliminatório, ou seja:

_ Teste de Aptidão Física (TAF): Corrida de 12 minutos, barra e abdominal.

_ Apnéia: travessia submersa na piscina de 20 metros.

_ Natação: 200 metros rasos em tempo máximo de 5 minutos.

_ Flutuação: com o corpo na vertical durante 20 minutos (uniforme: coturno, camisa regata e calça do uniforme de instrução)

Ao conseguir a aprovação nesses testes os selecionados foram submetidos, em caráter eliminatório, ao exame de saúde do Centro de Medicina Aeroespacial (CEMAL).

Atualmente o Concurso para o Curso de Piloto da Policia Militar do Rio de Janeiro é um dos mais difíceis da Corporação, pois exige dos candidatos conhecimento avançados em Inglês, conhecimentos de matérias técnicas de aviação, além das provas físicas e rigorosos exames de saúde.

Raquel Ventura Rodrigues, 1 Ten da PMERJ – GAM, ao falar sobre sua nova conquista, afirmou que: “Vou concluir com uma frase de Anesia Pinheiro Machado, primeira mulher que se habilitou a trabalhar como aviadora no Brasil em1922, pois reflete exatamente o que pensei ao iniciar minha carreira na aviação:”

“Nem sempre explico bem o porquê das coisas, por que ocorrem, vou sempre pelas minhas intuições. Quis fazer e fiz.”

O GAM possui atualmente uma frota de dois aviões e três helicópteros.

SUCESSO AOS FORMANDOS E FORMANDAS!


Fonte : O Dia

Fonte: Raquel Ventura Rodrigues, 1 Ten da PMERJ – GAM

Fotos: GAM da PMERJ


- Anúncio -

8 COMENTÁRIOS

  1. Parabenizo todos os meus ex-alunos, agora já formados pela EsAv-PMERJ.

    Pude acompanhar de perto todo o esforço e dedicação desses profissionais; muitos deles passaram meses longe de suas famílias para alcançar a meta de se tornarem pilotos.

    Tenho certeza que muito em breve todo esse esforço será recompensado pois vocês formandos terão a nobre missão de, DO AR, servir, proteger e socorrer com segurança!

    Sucesso a todos! Bons voos.

    CAP Rodrigo Duton – PCH
    Chefe do Núcleo de Policiamento Aéreo (NPA) – GAM – PMERJ

  2. Não poderia deixar de parabenizar as futuras AVIADORAS do GAM, minhas colegas de profissão e de unidade.

    Ambas são profissionais extremamente dedicadas e competentes e tenho certeza que farão tudo que nós homens já fazemos, porém calçadas com seus saltos altos e coques nos cabelos!

    O céu do Rio de Janeiro ficará ainda mais bonito com nossas duas aviadoras trabalhando nele…

    Muito sucesso Raquel e Rhaddour!

    CAP Rodrigo Duton – PCH
    Chefe do Núcleo de Policiamento Aéreo (NPA) – GAM – PMERJ

  3. Boa tarde! Tenho sido questionado por alguns amigos sobre a patente dos pilotos das aeronaves das Policias e Bombeiros Militares. Existe algo , legalmente falando que dê como atribuição exclusiva aos Oficiais a prerrogativa de ser piloto de tais aeronaves?

    Gostaria de saber mais a respeito!

    Obrigado e aguardo o contato!

  4. Bom Dia,
    Primeiramente gostaria de parabenizá-las, pois , como eu, apostaram na oportunidade de realizar um sonho, e conseguiram.
    Me formei na primeira turma teórica do GAM, e hj estou voando em comando, levando sempre comigo os ensinamentos que conquistei nessa instituição e as lições de vida.
    É uma satisfação ler matérias sobre a escola.

    Grande abç a todos e ótimos voos.

  5. primeiramente queria parabenizá-las. gostaria de saber como funciona o esquema de manuntenção das aeronaves do GAM?
    se ela é tercerizadas, ou próprias do gam porque eu estou terminando o curso de GMP e cêlula. e como faria para se futuramente averia alguma possibilidades de ingressar nesta áerea grato… aguardo respostas.

  6. oi queria dizer que o meu sonho era ser comissária de bordo mais preferi ir além.Achei que poderia ser aviadora.Eu acredito em DEUS porque ELE pode fazer o impossível então o meu sonho tornará possivel.DEUS guia e eu piloto.AMÉM!!!

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários