- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

Austrália – No dia 05 de janeiro, a organização sem fins lucrativos de resgate aéreo, CQ Rescue, divulgou dados sobre o emprego do seus dois helicópteros Bell 412 em 2020. Com uma aeronave em serviço e outra na reserva, eles voaram 164.000 km em 631 missões, com uma média de quase duas missões por dia, voando mais de 449 km.

CQ Rescue tem como principais parceiros a RACQ (Royal Automobile Club de Queensland) e o Governo do Estado de Queensland e é encarregado pelos resgates nas regiões central e norte do Estado, que fica no nordeste da Austrália. O helicóptero “RSCU 412” é acionado pelo telefone de emergência 000, sob coordenação da Polícia de Queensland ou pela Autoridade de Segurança Marítima Australiana (AMSA).

Em 2020, CQ Rescue realizou 631 missões de resgate aéreo em Queensland, Austrália

O CEO da CQ Rescue, Ian Rowan, disse que setembro e outubro foram os meses que tiveram o maior número de acionamentos, com 62 e 63 missões, respectivamente.

“Em 2020, apesar da pandemia Covid-19 e dos desafios que esta comunidade enfrentou, nosso helicóptero e tripulação completaram uma média de 52 missões por mês, algumas missões durando até oito e nove horas e voando centenas de quilômetros para transportar pacientes de locais frequentemente remotos”, disse Rowan.

“Nossa missão mais longa em 2020 foi de uma tripulação que transportou um paciente gravemente doente de Dysart ao hospital de Townsville, em um total de 960 km em pouco mais de nove horas.”

As vítimas de acidente de trânsito transportadas aumentaram 64% desde 2019 e as missões de busca e salvamento aumentaram para 26 missões concluídas em 2020. Whitsundays, incluindo Proserpine, Bowen e Collinsville, foram os destinos mais frequentados pelo serviço de resgate aéreo em 2020, correspondendo em mais de 220 missões.

Em 2020, CQ Rescue realizou 631 missões de resgate aéreo em Queensland, Austrália

Os acidentes em regiões agrícolas, incluindo incidentes envolvendo cavalos e gado, aumentaram e o helicóptero realizou 40 transportes de pacientes gravemente feridos, custando cada transporte uma média de US$ 32.000. Cada hora de voo do helicóptero em uma missão, custa para o serviço financiado pela comunidade cerca de US$ 10.500, disse Rowan.

O RACQ CQ Rescue celebrará seu 25º aniversário em 2021. Para manter o serviço ativo são necessários investimentos anuais de US$ 10,5 milhões. Grande parte desse dinheiro é proveniente de doações e patrocínios da comunidade.

“2020 certamente apresentou seus desafios em termos de arrecadação de fundos e operações devido à Covid-19, mas estamos muito orgulhosos de ter mantido um apoio corporativo e comunitário tão maravilhoso que realmente nos permite voar para ajudar centenas de pessoas em seu momento de necessidade extrema e fazer a diferença para tantas vidas em toda a região”, disse ele.

Com o número de missões do helicóptero de resgate aumentando e os tempos de voo e distâncias crescendo substancialmente, esta foi uma representação precisa da necessidade cada vez maior de um serviço de salvamento nesta região. “Todos os dias, com cada vida que salvamos, estamos continuamente provando nosso valor para esta comunidade”, disse Rowan.

- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários