GRAER da PM da Bahia atua com força total na Operação Copa do Mundo 2014

A Copa do Mundo da FIFA é um evento internacional disputado de quatro em quatro anos tendo a escolha de um país para sediar os jogos na disputa do título do mundial. Em 2014, o Brasil é o país sede e Salvador-Bahia uma das 12 cidades-sede desse mundial.

Com a “expertise” para realizar grandes eventos, a exemplo do Carnaval da Bahia, a Polícia Militar organizou-se para participar da competição internacional de futebol – Copa do Mundo FIFA 2014 (Federação Internacional de Futebol Associado).

Treinamento de tropa COE – BPChq no embarque na aeronave EC 145. Foto: Cap PMBA Rogério Aragão. 2014.

Enquanto a Copa do Mundo pode transmitir os valores da paz e universalismo, podemos atentar no aumento de ocorrências geradoras de crises de alta complexidade. Neste caso o emprego de força especializada para o combate as ações criminosas é imperativo para a manutenção da ordem pública durante os eventos de jogos e festas patrocinadas pela FIFA como a Fan Fest. Nesse patamar, a PMBA conta com o apoio aerotransportado do GRAER e sua tecnologia embarcada para ações de crise urbana durante os jogos do Mundial.

O GRAER também redimensionou seu efetivo para atuar com força máxima, diuturnamente com quatro tripulações diversificadas na capital, seja na transmissão de imagens aéreas, na condução de tropas de operações especiais para as áreas de conflito com aeronaves de asas rotativas, nas ações de radiopatrulhamento aéreo e nas ações de transporte aeromédico.

A atuação da unidade durante a COPA tem se dado em 2 frentes: uma em Salvador e outra em Porto Seguro, onde se fixaram as seleções da Alemanha e da Suíça, além de um número grande de turistas estrangeiros que acorreram aquela cidade nesse período.

Com isso, o GRAER também priorizou suas missões na cidade do Descobrimento com uma tripulação exclusiva para as ações patrulhamento, resgate e emprego aeromédico em toda a região, além da atividade de  escolta, vigilância, acompanhamento e segurança das seleções do aeroporto até suas sedes e vice-versa.

Toda a operação conta com o GRAER apoiando as Unidades operacionais PM e órgãos federais  envolvidos, a exemplo da Polícia Rodoviária Federal, Polícia Federal, Companhia Independente de Policiamento especializado – CIPE/Mata Atlântica, Companhia Independente de Polícia de Proteção Ambiental – CIPPA/PM e do 8º Batalhão de Polícia Militar com sede em Porto Seguro.

Existem também outras demandas a exemplo do transporte de pessoal na aeronave Grand Caravan, prefixo “Guardião 09”, com capacidade para 9 passageiros e 2 tripulantes o qual garante um  transporte rápido e seguro das tripulações de serviço em Porto Seguro, bem como das equipes envolvidas nas  operações técnicas de comunicações e  TI da Superintendência de Telecomunicações da Secretaria de Segurança Pública – STELECOM em Porto Seguro, cidade que dista a 700 km da capital.

Foram necessários significativos investimentos para se chegar ao grau de excelência hoje existente, com meses para o planejamento, aquisição de materiais e treinamento de pessoal com foco na utilização de dispositivo para captação de imagens aéreas e sua transmissão e gravação para o Centro Integrado de Comando e Controle Regional – CICCR instalado em Salvador que atua na supervisão, controle e coordenação das operações de segurança pública.

Já em Brasília funciona a estrutura do CICCN (Nacional) que é o coração sede de operações onde passa a controlar de forma geral todas as informações geradas pelos sistemas de imagens das aeronaves das 12 cidades-sede da Copa do Mundo FIFA 2014.

Na foto abaixo podemos ver a Sala NOC (Network Operation Center) do CICCN que na tradução livre consiste na Sala de Operações. Abaixo podemos ver a recepção no Video Wall (série de monitores sobrepostos de modo a formar uma grande tela) do CICCN da imagem gerada pelo sistema FLIR instalado no “Guardião 01” do GRAER com foco na escolta da seleção dos EUA para o Estádio da Fonte Nova em Salvador que aconteceu em 1 de junho. Os CICCR das 12 cidades-sede são interligados ao CICCN em Brasília. No Rio de Janeiro abriga também o Centro Integrado de Comando e Controle Alternativo, de prontidão em caso de indisponibilidade do CICCN.

GRAER/PM Bahia atua com força total na Operação Copa do Mundo 2014

Para a transmissão de imagens aéreas se emprega a operação do sistema FLIR de captação, imageamento e transmissão e imagens. Instalados nos helicópteros Esquilo AS350B2 do GRAER, as tripulações tanto acompanham as delegações, como geram imagens de interesse estratégico em sites de acordo com a necessidade do escalão superior.

A disponibilidade pela SESGE desse Sistema de última geração para prover o Alto Comando da Corporação com informações necessárias para realizações de ações policiais durante a Copa foi o fator primordial para a tomada de decisões importantes no campo estratégico, e agregou elevado valor a operação.

Os equipamentos de filmagem, armazenamento e transmissão das empresas FLIR Systems, Aero Computer e Cobham são instaladas nas aeronaves Esquilo com a câmera FLIR Star Safire 380HD. O sistema possui a capacidade de filmagem em alta definição digital HD a grandes distâncias com zoom elevado, podendo aperar à noite ou com pouca luz devido ao seu sistema Low Light Vision – LLV, que consiste na visão de baixa luminosidade.

A utilização do FLIR tem sido importante nas ações de natureza policial como escolta, segurança e vigilância dos comboios das seleções da Copa e patrulhamento durante os jogos do Mundial. “Esta tecnológica disponibilizada pela SESGE é muito importante e agrega valor a nossa operação. O escalão superior fica sabendo ao vivo do desenvolvimento da operação podendo otimizar decisões e remanejar recursos, dentre outras providencias. Trata-se de um sistema de altíssima tecnologia, que ainda estamos avançando no seu uso e otimizando suas disponibilidades”, afirma o TC PM LÁZARO, Cmt do GRAER.

Ainda quanto ao FLIR as imagens captadas pelo helicóptero são recepcionadas pelo CICCR da SSP/BA em Salvador. Essas mesmas imagens são transmitidas para a Central de Operações do GRAER – CENOP, sendo esse um elo importante na articulação de informações de tráfego aéreo e na interlocução com o CICCR Salvador e Brasília, ante as necessidades da locação das imagens e as possibilidades que o trafego aéreo nos possibilita voar, haja vista que muitas das áreas de interesse ficam próximas a áreas de procedimento de aproximação do tráfego aéreo.

A tecnologia também possibilita que a imagem captada chegue  ao vivo ao smartphone do Cmt do GRAER, através da disponibilização de um aplicativo com software de monitoramento inteligente o que da o suporte necessário para supervisionar todo o trabalho realizado pela equipe aérea antes, durante e após os trabalhos e em qualquer lugar, bastando apenas o sinal de antena 3G. Um exemplo dessa tecnologia foi à realização da escolta e segurança da seleção da Croácia pela aeronave do GRAER instalada com o FLIR no ultimo dia 24/06/2014, realizou a transmissão de imagens de alta definição do distrito de Praia do Forte, distante 60 Km do Aeroporto de Salvador, com recepção de excelente qualidade.

O GRAER também registra com imagens o ambiente de cabine em voo com câmera HD de alta definição utilizada para esportes radicais por possuir uma capacidade de adaptação devido a suas dimensões, sendo seu funcionamento adequado na captura de luz e processamento de imagem. As imagens são gravadas durante o voo e disponibilizadas para arquivo, consulta e treinamento das  tripulações.

A reboque dos equipamentos utilizados na Copa do Mundo FIFA 2014 há também a preocupação com instruções específicas de natureza aeropolicial no adestramento da tropa empregada no evento. No conceito de abordagem progressiva de treinamento, o GRAER realiza ações com tropas especializadas na preocupação sempre presente com enfrentamento de crise urbana de alta complexidade, tendo uma atenção ao transporte e evacuação de tropas em terrenos hostis e restritos ao pouso de aeronaves.

Provendo ações dessa natureza, o GRAER faz uso da aeronave EC 145 com capacidade para transportar 9 policiais militares equipados, fora tripulação, para  executar procedimentos de treinamentos com equipes da Companhia de Operações Especiais – COE do Batalhão de Polícia de Choque no desembarque a baixa altura de frações de tropa e no “Fast-roping” que consiste na descida da tropa por cordas instaladas no helicóptero para respostas rápidas nas ações de crise. Tais treinamentos visam o efetivo apoio do GRAER ao BPCHQ/COE atuando no transporte de tropa em cenários de Operações Especiais que se façam necessários. Esta atuação é prevista nos protocolos de segurança da COPA 2014.

O radiopatrulhamento é outra dedicada e importante ação desempenhada pelas aeronaves do GRAER nesse evento de grande importância. São verificados retenções de trânsito, alternativas para equipes de vigilância em solo e a escolta e segurança propriamente dita com tripulação embarcada na aeronave EC 145.

Nesse grande evento da Copa também existem ações de aeromédico que contribuem para conceituar o emprego multimissão do GRAER. Para isso podemos citar fato acontecido no dia 25/06/2014, onde a tripulação do EC 145 (configuração aeromédica) efetuou o transporte aeromédico inter-hospitalar de policial militar de serviço vítima de acidente automobilístico numa rodovia na Cidade de Alagoinhas, distante de Salvador cerca de 80 km.

O quadro clínico do PM era muito grave (TCE e fraturas múltiplas de membros),  necessitava de exames específicos na capital sendo de extrema importância sua transferência para uma unidade hospitalar da capital com melhores recursos e profissionais especializados. O transporte foi feito com toda a condição técnica exigida e a última informação que se tem é que o PM encontra-se em franca recuperação.

Transporte aeromédico do PM. Foto: Maj PMBA Alexandre Augusto. 2014

Além das missões relativas à OPERAÇÃO COPA, o GRAER tem realizado neste mesmo período as suas missões de emprego ordinário. Com a advento da COPA o estado tem recebido um grande numero de visitantes, disso decorrendo a necessidade de uma maior aplicação do policiamento, sendo o GRAER um importante vetor de apoio às ações de policiamento de todo tipo e isso em força máxima.

“A carga de planejamento e articulação foi grande para que a gente pudesse alcançar esse resultado positivo até então. Diversos atores e ações envolvidas com especial atenção aos treinamento das tripulações e a manutenção aeronáutica das maquinas tanto pelo nosso pessoal como pelo atendimento da empresa contratada pela administração que tem sido notável. O resultado até então tem sido muito favorável. Sem querer fazer ciúme a outros estados, os levantamentos feitos pela mídia tem dado o Estado da Bahia como A Melhor Sede de COPA 2014, incluindo o critério segurança. Isso não é a toa e decorre de muito trabalho da PMBA da qual temos uma grande satisfação em integrar. Como se diz aqui na Bahia.. VUMBORA PMBAAAAA….VUMBORA GRAERRR… QUE VENHA O HEXAAAA….”, afirma o Comandante Tenente Coronel PMBA LÁZARO.

Confira as fotos:

Fonte: ComSoc GRAER/Divulgaçao

 

1 COMENTÁRIO

  1. É com orgulho de brasileira que li sobre esse trabalho de militares, heróis baianos, sempre prontos a cumprir suas missões com garbo e prontidão.
    Com certeza deixando muitas e muitas vezes seus familiares a espera e com os corações apertados, de saudades e preocupação.
    Força turma e obrigada .

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

nove + 15 =

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários