GTA/MA localiza três fugitivos do Presídio de Pedrinhas no MA

- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

detentos-capturadosMaranhão – Um grupo de detentos fugiu do Bloco B do Presídio São Luís I, que faz parte do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís, no início da manhã desta quarta-feira (7), segundo a Secretaria de Justiça e Administração Penitenciária do Maranhão (Sejap).

Por telefone, o secretário Sebastião Uchôa disse que, por volta de 5h15, os presos aproveitaram que o agente penitenciário havia se dirigido ao outro bloco do presídio e empreenderam fuga por um túnel de aproximadamente cinco metros, que dá acesso a uma caixa de esgoto.

De lá, os detentos fugiram pelo mato. Uchôa também informou que, por causa da fuga, o chefe de segurança do presídio foi exonerado na manhã desta quarta-feira (7) por negligência.

A primeira informação repassada pela secretaria por telefone dava conta de que cinco detentos haviam fugido, mas depois o número foi corrigido para três. O mesmo aconteceu com o número de recapturados. A secretaria informou primeiro que apenas um detento havia sido encontrado, depois disse que haviam sido três e, por último, informou que teriam sido quatro. Já o Grupo Tático Aéreo (GTA) disse que três detentos foram recapturados e encaminhou imagem ao G1. Somente às 12h49, a secretaria emitiu nota informando que cinco haviam fugido e quatro haviam sido recapturados.

Leia a íntegra da nota da Sejap abaixo:

A Secretaria de Estado de Justiça e Administração Penitenciária (Sejap) informa que foram recapturados quatro dos cinco presos que fugiram por um túnel aberto no Presídio São Luís I, nesta quarta-feira (7). Todos os fugitivos eram do Bloco A, celas 7 e 8.

Na ação conjunta realizada por policiais civis, militares, Grupo Tático Aéreo (GTA) e Grupo Especial de Operações Penitenciárias (Geop), foram recapturados Sidney Silva, Antonio Cesar Pereira, Anderson Clayton Silva e Luis César Rodrigues. As buscas foram intensificadas para recapturar Flavio Barros Oliveira.

A Sejap informa, ainda, que o chefe de Segurança do Presídio São Luís I foi exonerado do cargo e determinada a abertura de sindicância para apurar as responsabilidades pela fuga.

Fugas em Pedrinhas

A última fuga em Pedrinhas aconteceu no dia 3 de abril deste ano, quando dez presos fugiram do Presídio São Luís II. Os detentos aproveitaram permissão para lavar o pátio de banho de sol, serraram a grade instalada no teto e fugiram com o uso de uma “tereza” (corda artesanal). O diretor da unidade, Valdir Dias, foi exonerado do cargo.

Outros quatro já haviam fugido do Presídio São Luís I no dia 30 de março. No ano passado, segundo a Secretaria de Justiça e Administração Penitenciária (Sejap) do Maranhão, 85 presos conseguiram escapar de Pedrinhas.

Fonte: G1.

- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários