Guapo 9 apoia o resgate de vítimas em acidente com ônibus na RS-030

- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

Na tarde do dia 06/01 o Batalhão de Aviação foi acionado para uma ocorrência de acidente de transito, onde um ônibus tombou na RS 030, deixando seis mortos e aproximadamente trinta feridos. O GUAPO 9 decolou com a equipe de medico e enfermeiro do SAMU, realizando apoio as ambulâncias que já encontravam-se no local.

A tripulação era composta pelo Maj Lisboa, Maj Leandro, Sgt Almada, Medico Joao Carlos e enfermeira Joice.

17146875

Um ônibus da empresa Unesul tombou em uma curva da RS-030 em Glorinha, região metropolitana de Porto Alegre. O ônibus fazia a linha Porto Alegre/Tramandaí, e tinha saído da Capital às 12h com 27 passageiros. No caminho, por ser uma linha convencional conhecida como “pinga-pinga”, outros passageiros embarcaram.

A Polícia Rodoviária Estadual confirmou cinco mortes no local, e pelo menos seis feridos foram levados para atendimento no Hospital Dom João Becker, em Gravataí, e estão em estado grave. Uma sexta morte foi confirmada no hospital em Gravataí. Um dos seis pacientes em estado grave não resistiu. Ao todo, são mais de 30 os feridos. Também há passageiros em atendimento no Hospital de Pronto Socorro (HPS) de Canoas, HPS Porto Alegre, e Hospital Cristo Redentor.

A doutora Cíntia Soares, que trabalha no Samu, explicou o estado de saúde dos pacientes após o acidente. “Foram cinco pacientes que sofreram amputação. A maioria das vítimas era considerada grave”, disse. A doutora explicou ainda sobre a prioridade de atendimento: “Infelizmente no acidente de hoje todos eram vítimas graves. A gente tenta priorizar em um acidente desta magnitude os pacientes que tem mais chances de sobreviver”.

Um dos médicos que atende a ocorrência afirma que a grande maioria dos passageiros não utilizava cinto de segurança. Apenas o motorista e mais uma das pessoas estavam equipadas com o cinto. Segundo o médico, se todos estivessem utilizando o cinto, o transtorno seria menor. O motorista do ônibus sofreu ferimentos leves e comparecerá à delegacia para prestar depoimento. “Legislação não exige uso do cinto de segurança para esse tipo de ônibus”, diz comandante

A rodoviária de Porto Alegre informou que das 27 passagens emitidas para o ônibus, 11 iam para Santo Antônio da Patrulha, nove para Glorinha, um para Tramandaí, um para Osório, um para Miraguaia e quatro para Caveira. Os dois últimos são distritos de Gravataí, onde o ônibus tem parada. Somente uma passagem foi vendida com seguro.

Nota da empresa

“A Unesul de Transportes Ltda. lamenta o acidente ocorrido, na tarde de terça-feira (06/01), na ERS-030 (RS), com o ônibus que fazia a linha entre Porto Alegre e Tramandaí. A empresa se solidariza aos envolvidos e está prestando todo o apoio e assistência possível aos passageiros e às famílias das vítimas.

Porto Alegre, 06 de janeiro de 2015.

UNESUL DE TRANSPORTES LTDA.”

Fonte: ClicRBS Gaúcha.

- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários