Helicópteros de resgate adquirem tecnologia de ponta graças à parceria

- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

As famílias de Queensland/Austrália estarão agora mais seguras em situações de emergência. Os helicópteros de resgate poderão responder mais rápido após fecharem uma parceria com a mineradora Rio Tinto. A parceria inclui um novo centro de operações com tecnologia interativa e de última geração.

O Centro de Operações Aéreas do Governo de Queensland e a nova tecnologia ‘Cruiser Interativo’ foram apresentados por Jack Dempsey, Ministro para Serviços Policiais, de Incêndio e de Emergência, e Chris Salisbury, Diretor-Geral da Rio Tinto Coal Austrália.

image16

“Cada segundo conta em situações de emergência e qualquer melhoria nos tempos de resposta e na qualidade das informações fornecidas às tripulações é importante”, disse o senhor Dempsey.

“Isso tudo é para manter as famílias de Queensland seguras e esta parceria significa que os nossos helicópteros de resgate terão agora uma tecnologia de altíssimo nível.

“O Cruiser poderá visualizar o centro em Kedron conectado às nossas cinco bases aéreas do Governo de Queensland em todo o estado através de telas interativas de última geração.

“Com o simples movimento de suas mãos, os usuários podem enviar informações de dispositivos pessoais, como de tablets e telefones, para que informações detalhadas sobre a missão sejam fornecidas com mais eficiência para as tripulações dos helicópteros e para que o acompanhamento das tripulações também seja melhorado.

“Existe também a capacidade de integrar os helicópteros de resgate na nossa frota de aviação, que é muito maior, em Queensland, principalmente em casos de desastre.

“Temos trabalhado duro para fornecer aos nossos serviços de emergência a ajuda que eles precisam para tornar Queensland mais segura.

“Sabemos que o trabalho ainda não acabou, mas temos um plano sólido para concluí-lo”.

O Centro de Operações e a nova tecnologia – ambos no valor de US$ 1,2 milhões – foram financiados pelos US$ 10 milhões da Rio Tinto, um patrocínio de 10 anos ao serviço de resgate aéreo do Governo de Queensland.

Chris Salisbury da Rio Tinto disse que a empresa estava orgulhosa por apoiar e financiar a nova tecnologia que transformaria a forma como os helicópteros de resgate operam durante as situações de desastre.

“Na Rio Tinto, estamos sempre à procura de fazer as coisas de um jeito melhor, mais inteligente e mais rápido e acredito que a inovação contínua e o uso da tecnologia são as chaves para o sucesso,” disse o senhor Salisbury.

“Eu não consigo pensar em uma área melhor para implementarmos inovações do que na área de tecnologia para um serviço que é responsável por salvar vidas e proteger os moradores de Queensland durante o ano todo.

“A segurança é um valor fundamental para a Rio Tinto e, através desta parceria, estamos fornecendo um compromisso de segurança duradouro a Queensland, um lugar que temos chamado de casa por mais de 50 anos.”

O Diretor Executivo do Centro de Operações Aéreas do Governo de Queensland, Craig Phasey, disse que além do salto tecnológico que a tecnologia do Cruiser proporciona, este momento também foi oportuno para melhorar alguns processos.

“Estamos juntando as lições que temos aprendido com as catástrofes dos últimos três anos, quando vivenciamos desafios de comando e coordenação na execução de tarefas, principalmente durante situações de catástrofe,” disse o senhor Phasey.

“A tecnologia nos permite registrar as informações eletronicamente e ainda fornece informações melhores e mais adaptadas no que diz respeito ao que a aeronave fora encarregada de fazer e, quanto a uma perspectiva de gerenciamento de risco, permite um suporte adicional à tripulação operacional.

“Tudo isto não seria possível sem o apoio contínuo e generoso da Rio Tinto, com o seu comprometimento de US$ 10 milhões por 10 anos para os nossos helicópteros de resgate QGAir.”

Fonte: Rio Tinto

- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários