O último adeus a um guerreiro…

- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

Foi, sem dúvida, o momento mais triste para a Polícia Militar de Rio Verde/GO. Ver nosso irmão, um policial tão querido, tombado em combate. No fim da tarde de quinta (17/11/11) ocorreu o sepultamento de um homem honrado, elogiado por comandantes, pares e subordinados e por toda sociedade Rioverdense. O velório aconteceu na própria casa do cabo Luiz Hipólito a pedido de sua esposa.

Enquanto o corpo do policial estava sendo velado, o comando do 8º CRPM reuniu toda a tropa no quartel inclusive com o apoio do GRAER e de policiais de outras cidades que vieram se despedir do querido irmão de farda. Com informações repassadas pela Polícia Civil sobre a possível localização do foragido, cerca de 100 policiais iniciaram as buscas pela terra e pelos ares no intuito de encontrar o jovem assassino. A notícia sobre a prisão do suspeito viera no mesmo momento em que o corpo fora transportado pelo Corpo de Bombeiros ao cemitério.

Em meio a momentos de muita comoção e lembranças, pudemos nos despedir e prestar as últimas homenagens. A equipe do GRAER, composta pelo major Moura, pelo capitão Câmara, pelos sargentos Rhangel e Walker e pelo soldado Wandson, além participarem nas buscas pelo infrator, em um momento especial jogaram do Falcão, aeronave da Polícia Militar, pétalas de cerca de 250 rosas brancas sobre as centenas de pessoas que acompanhavam o último Adeus cabo Hipólito.

Fonte: PMGO (Renata Domingues)

Fotos: Rosalvo Campos e sgt Rhangel

- Anúncio -

2 COMENTÁRIOS

  1. É TRISTE SABER QUE UM GUERREIRO PROTETOR DA SOCIEDADE GOIANA TEVE QUE PARTIR. MESMO SEM O CONHECER FICO CONTRITO DE CORAÇÃO, AO SABER QUE UM IRMÃO, QUE DOAVA UM POUCO DE SÍ A CADA DIA, EM PROL DA SEGURANÇA DO PRÓXIMO, FOI VÍTIMA DA GANÂNCIA DE UM BANDIDO, INDÍGNO DE CONVIVER EM SOCIEDADE, ASSIM, COMO MILHARES QUE ESTÃO SOLTOS, GRAÇAS AOS ARTIFÍCIOS DE LEIS ULTRAPASSADAS. FICA AQUÍ A MINHA REVOLTA. MÁS A REVOLTA EM SÍ NADA VALE. PRECISAMOS EXTERNALIZAR TODA A NOSSA INDIGNAÇÃO DIANTE DE TAIS SITUAÇÕES, MÁS TAMBÉM DEPOIS DELAS. NÃO VÍ NINGUÉM DOS “DIREITOS DESUMANOS”. SIM DESUMANOS, POR QUE SÓ AGEM ANTE MORTE DE BANDIDOS, PARA APARECEREM DIANTE DOS HOLOFORTES, PRONUNCIAREM UMA PALAVRA, NENHUMA PALAVRA DIANTE DE TAL FATO. AO NOSSO HERÓI GOIANO(FILHO, PAI, IRMÃO, AMIGO, ESPOSO, POLICIAL MILITAR, CIDADÃO GOIANO E BRASILEIRO), MEU MUITO OBRIGADO, PELAS LUTAS EM QUE ESTIVESTES AO LADO DO CIDADÃO DE BEM, CUMPRINDO O SEU DEVER. OREMOS POIS, PELOS FAMILIARES QUE FICAM, QUE DEUS CONFORTE CADA CORAÇÃO.

  2. GOSTARIA DE REGISTRAR TAMBÉM QUE, QUANDO SOUBE DA NOTÍCIA DA MORTE DO CABO HIPÓLITO, ESTAVA NUMA REUNIÃO COM CERCA DE 100 MILITARES EM GOIÂNIA, E PUDE VER NO SEMBLANTE DE CADA POLICIAL MILITAR E BOMBEIRO MILITAR, INCLUSIVE DA RESERVA REMUNERADA, TRISTEZA E ABATIMENTO. REALIZAMOS ENTÃO NAQUELE MOMENTO UM MINUTO DE SILÊNCIO, SEGUIDO DE ALGUNS MINUTOS DE ORAÇÃO. ALÍ ESTAVAM DOIS LEGÍTIMOS REPRESENTANTES DA NOSSA CLASSE. O SGT ACIOLLY, PARECIA QUE HAVIA RECEBIDO A NOTÍCIA DA MORTE DE UM IRMÃO DE SANGUE. NÃO INDIFERENTE O DEPUTADO ESTADUAL MAJOR ARAÚJO, CHEGOU AO LOCAL 15 MINUTOS DEPOIS, JÁ CIENTE DO OCORRIDO E ERA PERCEPTÍVEL EM SEU OLHAR O ABATIMENTO, A TRISTEZA DE QUEM TANTO LUTA PARA TORNAR MAIS DÍGNAS AS CONDIÇÕES DE TRABALHO DO MILITAR GOIANO.

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários