Quadrilha em fuga atira contra helicóptero Águia de Campinas/SP

- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

Quatro homens foram presos no bairro São José, em Campinas/SP, suspeitos de fazerem parte de uma quadrilha de roubo de cargas na região. Os acusados estavam em um carro roubado e foram perseguidos desde Indaiatuba, onde tentaram roubar um caminhão na tarde desta segunda-feira (26/09).

Fortemente armados, com fuzil e uma metralhadora, eles alvejaram uma viatura da PM e chegaram a atirar contra o helicóptero Águia, que também ajudava no cerco aos bandidos. Apesar do tiroteio, a PM informou que não houve registro de feridos.

Os bandidos tentaram roubar um caminhão em frente a uma empresa de Indaiatuba, no bairro Oliveira Camargo, por volta das 15h. Durante a ação, eles foram surpreendidos por um carro da PM. Houve troca de tiros e a viatura foi alvejada. O bando conseguiu fugir por uma estrada de terra que liga Indaiatuba a Itupeva.

Avisado sobre a tentativa de roubo, o Comando de Operações da Polícia Militar (Copom) repassou as informações para diversas bases da PM e da Polícia Rodoviária. O carro dos bandidos foi localizado novamente na Rodovia dos Bandeirantes (SP-348), já em Campinas.

Uma viatura da Polícia Rodoviária acompanhou o veículo por alguns quilômetros, mas o perdeu de vista. Neste momento entrou em operação o helicóptero Águia da PM, que visualizou o carro dos bandidos já na Rodovia Santos Dumont (SP-075), próximo ao bairro do Itatinga.

Quando perceberam que estavam sendo perseguidos pelo helicóptero, os bandidos tentaram despistar o Águia e entraram no bairro São José. Neste momento, os bandidos, armados com um fuzil, abriram fogo contra o helicóptero, mas nenhum disparo acertou a aeronave, que conseguiu seguir no encalço aos ladrões até a Rua Joaquim de Faria, onde os suspeitos abandonaram o carro e fugiram a pé.

O helicóptero também desceu em um terreno do São José e conseguiu deter os quatro bandidos, com ajuda de outras equipes da PM. Ao todo, 70 homens dos três batalhões de polícia de Campinas participaram da operação. O major da PM, Nelson Vicente Coelho, afirmou que apesar dos tiroteios não houve registro de feridos.

Além das prisões, a polícia apreendeu uma espingarda calibre 12, uma metralhadora 9 mm e um fuzil AR15, esses últimos de uso restrito. O carro utilizado na fuga, um Honda Civic, também foi apreendido. A polícia informou que o veículo havia sido roubado no dia 2 de setembro, no Chapadão, em Campinas.

Os suspeitos foram levados para a Delegacia de Investigações Gerais (DIG). Eles vão responder por diversos crimes, entre eles, formação de quadrilha, tentativa de roubo, disparo de arma de fogo e resistência.

A perseguição aos bandidos aconteceu por cerca de 70 quilômetros. De Indaiatuba a Itupeva os ladrões percorreram cerca de 20 quilômetros pela estrada de terra que liga as duas cidades. Entre os trechos da Rodovia dos Bandeirantes (SP-348) e Santos Dumont (SP-075), os bandidos fugiram da polícia por mais 50 quilômetros.

Fonte: RAC.com

- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários