Transporte aéreo pelo Graer/PR é aberto para toda população

Paraná – Com base instalada em Guarapuava há um mês, o primeiro transporte de vítima entre cidades, realizado pelo Grupo Aeropolicial e Resgate Aéreo (Graer) na sexta feira (26), gerou dúvidas para alguns moradores da cidade. Na ocasião, o grupo realizou o transporte de Ademir Severino Alves, ex secretário de Agricultura de Laranjeiras do Sul até Guarapuava. “Gostaria de saber quem pode utilizar deste trabalho e qual é o contato para utilizar este serviço destinado a população?”, indaga Luiz Ciunek em um comentário no perfil da RSN.

RSN

De acordo com o major Sanches, comandante do Graer, o trabalho de transporte de vítimas é aberto a toda população. “Nós realizamos o trabalho junto ao Samu e não prestamos serviços para hospitais particulares. É avaliado se a vítima suporte transporte terrestre ou se não pode ficar muito tempo exposta em determinado local para esperar o atendimento, então somos acionados”, explica.

Ainda de acordo com Sanches, questões específicas são avaliadas para realizar o transporte em casos como o de Ademir. “O homem que foi transportado deu entrada para atendimento através do Sistema Único de Saúde (SUS). Se qualquer outra pessoa estivesse na situação dele, e fosse avaliada e necessidade de transporte aéreo, ele teria sido feito da mesma forma”, pontua Sanches.

Fonte: Rede Sul Notícias

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

16 + 2 =

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários