- Anúncio -

DENNYS GOMES DALLA

Sabemos que o conhecimento é libertador, além disso ele pode salvar sua vida. Em vários momentos, a grande mágica do treinamento é isso. Aquilo que você pratica amplia seus horizontes com as respostas adequadas, confrontando sua percepção de senso comum com aquilo que já foi estudado e transformado em um protocolo que ajudará a salvar vidas.

Você também melhora seu desempenho e confiança na capacidade de realizar algo. Isso é fundamentado pelo processo jesuítico: “Repetição, com correção, até a exaustão, leva a perfeição.” Assim acontece com a capacitação realizada na UTEPAS (Unidade de Treinamento de Escape para Aeronaves Submersas) da Marinha do Brasil. Realmente, pelo know how e forma que os instrutores passam, a técnica torna-se bem simples.

“Mão na fivela, mão na janela!”

11 Servidores do CIOPAER de Tocantins treinaram na quinta-feira (05), técnicas e manobras evasivas de sobrevivência em pouso na água realizado pela UTEPAS da Marinha do Brasil. Foto: Divulgação.

Espera a aeronave parar e sai. Tudo muito simples. Isso porque a Marinha sabe que a sofisticação está na simplicidade. Mas mesmo no treinamento, o coração acelera. A água gelada atrapalha sua apneia. O que eram somente 17 segundos, que é quase nada, parece dois minutos, ou meia hora. A paúra chega e você precisa dominar. Aí está a magia do treinamento. Você deve cumprir sua missão e confiar na equipe de instrução.

Mesmo sem pressão, ainda aumenta os batimentos do coração e a circulação sanguínea. E o que eu faço? Gosto de cantar para distrair o cérebro. (Sempre canto a canção da Polícia Militar de Tocantins, e se acabar, canto de novo). Isso garante uma boa apneia. Queria aprender “faroeste caboclo”, aí sairia de um navio.

Mas, voltando ao treinamento, é enriquecedor saber que é possível, mesmo com pouso em emergência na água, sair com segurança e ainda conseguir salvar aquele que está com a gente. Os princípios são os mesmos da aviação. Numa emergência, mantenha a calma e cumpra o procedimento. Segue a técnica, xerife. Sempre dá certo.

Autor: Dennys Dalla é Major da Polícia Militar de Tocantins e comandante de helicóptero no CIOPAer de Tocantins.

- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários