- Anúncio -
Consamu

Paraná – Em operação desde janeiro de 2014, o helicóptero da Rede Paraná Urgência, base Cascavel, fruto de uma parceria entre o governo Estadual e o Consórcio Intermunicipal SAMU Oeste do Paraná (Consamu), completou sua missão de número 2.000.

Em fevereiro de 2017 o helicóptero completava a missão de número 1.000, em janeiro de 2019 superou as 1.900 missões e no dia 14 de abril de 2019, completou a sua missão de número 2.000. A equipe realizou a transferência de um idoso de 84 anos de idade com infecção respiratória grave, de Cascavel para um leito de terapia intensiva, em Palmas.

Equipe: Comandante Lunelli, Enfa Renata, Dra Ana Heloísa e Mecânico Claiton. Foto: Consamu.

A equipe aeromédica da base Cascavel conta com 2 pilotos, 1 mecânico, 4 enfermeiros e 12 médicos, que se revezam em regime de plantão diário. Foi o primeiro modelo de operacionalização implantado no Paraná, possibilitando a otimização do atendimento às vítimas, com agilidade, eficiência, realizando transferências de alta complexidade e atendimento primário em acidentes nas rodovias da região.

Além da Base de Cascavel, há uma base em Maringá e outra em Londrina operadas pelo SAMU 192. O Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA) e o SIATE 193 fazem o aeromédico em Curitiba e em Ponta Grossa o serviço é realizado em parceria com o SAMU 192.

O serviço foi diretamente responsável pelo salvamento de centenas de vidas no período, reduzindo o tempo de chegada do paciente ao centro de referência. Prematuros graves, politraumatizados e vítimas de doenças do aparelho circulatório foram os maiores beneficiados no período.

Aeromédico do Consórcio Intermunicipal SAMU Oeste do Paraná realiza missão de número 2000. Foto: Consamu.
- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários