- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

Rio Grande do Sul – As equipes e aeronaves do Batalhão de Aviação da Brigada Militar (BAvBM), vem sendo utilizadas pela Central Estadual de Transplantes, da Secretaria de Saúde, para o transporte de órgãos e equipes de saúde responsáveis pela captação de órgãos.

Somente no primeiro semestre deste ano, foram realizadas 15 operações de Transporte de Órgãos Vitais (TROV). Na quinta-feira (26), o BAvBM realizou mais uma operação aérea de TROV, da cidade de Lajeado para Porto Alegre. Uma equipe de saúde foi transportada no helicóptero AW119 Koala do BAvBM até Lajeado, a fim de realizar a captação de um coração.

Após o procedimento, o órgão e a equipe foram levados para o Instituto de Cardiologia, em Porto Alegre, onde o receptor aguardava para o transplante. Outro atendimento aconteceu no dia 3 de junho. Nesse transporte foi utilizado o Avião King Air B200 do BAvBM. A captação dos órgãos aconteceu na cidade de Pelotas e foram levados para Porto Alegre. Três pessoas puderam ser transplantadas no tempo adequado.

Números no Estado

Em 2020, foram captados 341 órgãos pelas equipes da Secretaria de Saúde do Rio Grande do Sul e 334 foram transplantados. Em julho, existiam mais de 1.480 receptores ativos na lista de espera. Desses, 936 esperam por um rim.

Dos 81 motivos de “não consentimento para a doação”, os principais foram: não doador em vida (35), demora entrega do corpo (21), familiar contrário à doação (11) e integridade do corpo (10) – saiba mais sobre os números.

Para saber mais, acesse a Página de Transplantes do Governo do RS.

- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários