- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

Mato Grosso – O ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça, e o governador do Mato Grosso, Mauro Mendes, visitaram, neste domingo (11), os tripulantes do helicóptero Nacional 01 da Força Nacional de Segurança Pública que estão em recuperação hospitalar em Cuiabá (MT) após acidente com helicóptero no pantanal matogrossense.

Local do acidente do helicóptero Nacional 01 da Diretoria da Força Nacional de Segurança Pública (MJSP).

“Hoje há 150 homens enviados pelo Ministério apoiando a preservação do Pantanal brasileiro, essas vidas têm valor, essas famílias têm valor. Eles não são números, pelo contrário, são verdadeiros heróis que arriscam suas vidas pela proteção do patrimônio brasileiro e da sociedade brasileira. O mínimo a fazer era vir visitá-los hoje e registrar a solidariedade e o comprometimento de todo o governo federal e do Mato Grosso com os nossos policiais. Nós esperamos vê-los reestabelecidos completamente e, em breve, recebê-los em Brasília e no exercício das suas atividades com o compromisso reafirmado de servir ao país”, afirmou André Mendonça.

O piloto Renato Oliveira e o copiloto Luiz Fernando Berberick foram submetidos a cirurgias e seguem internados em recuperação. O Sgt Emerson Miranda, tripulante operacional  (Operador aerotático) do helicóptero, teve alta hospitalar.

O ministro André Mendonça agradeceu ainda à Marinha do Brasil pelo apoio na logística do resgate e à equipe médica do Hospital Santa Rosa pelo atendimento dos tripulantes da aeronave.

Desde o dia 23 de setembro, 40 bombeiros da Força Nacional de Segurança Pública atuam no combate aos incêndios no Pantanal do Mato Grosso. No Mato Grosso do Sul, a atuação teve início no dia 5 de outubro, com o envio de 40 bombeiros da Força Nacional para a região. O combate aos incêndios foi reforçado, na última semana, com mais 70 bombeiros do Distrito Federal e de Santa Catarina que terão diárias custeadas pelo Ministério.

- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários