A primeira prisão do Reino Unido com o auxílio do “VANT” policial

Apelidado de “panela voadora”, o robô-helicóptero parece ser uma improvável arma na guerra contra o crime. Mas, provando sua eficiência, ele cumpriu sua tarefa com êxito, ao auxiliar na prisão de um ladrão de carros na Inglaterra.

O helicóptero em miniatura ou drone, operado por controle remoto, foi implantado pela polícia de Merseyside, um condado, localizado no noroeste da Inglaterra.

Usando um dispositivo de câmara integrada e tecnologia de imagem térmica, o operador foi capaz de encontrar o suspeito através do calor do seu corpo e patrulhas, a pé, efetuaram a prisão. O equipamento orientou os polícias até o jovem de 16 anos que estava escondido, entre arbustos, ao lado do canal de Leeds-Liverpool, em Litherland, Merseyside.

Talvez, a primeira vez que uma prisão tenha sido ligada diretamente ao uso do robô aéreo, tenha sido esta, em 26 de janeiro, por volta de 16:30, depois que policiais foram informados sobre um Renault Clio roubado em Bootle, Merseyside. Após uma perseguição, dois suspeitos abandonaram o veículo e tentaram fugir a pé. Um deles foi rapidamente detido, mas o outro conseguiu fugir para o nevoeiro e enconder-se ao longo do canal. A polícia decidiu utilizar o Drone, que pode atingir alturas de 500 pés e é controlado por um policial até 1.500 m de distância.

O Drone mede 3 pés de diâmetro e possui quatro pás de fibra de carbono, usadas em veículos aéreos não tripulados (VANT), tecnologia originalmente projetado para reconhecimento militar.

A bateria do dispositivo permite a colocação de uma gama de câmeras, conectadas ao aparelho, incluindo CCTV ou câmeras de imagem térmica. O equipamento pode pairar, silenciosamente, acima de cenas de crime e enviar imagens ao vivo aos policiais no solo, além de poder pousar em local alto e protegido, permitindo que o operador possa capturar horas de filmagens.

A polícia de Merseyside é uma das poucas forças policiais que usam o dispositivo que custa £ 40.000 cada (cerca de R$ 114.000,00). São muito mais baratos para uso em operações de pequena escala, comparado com o helicóptero. Ele é utilizado por essa Polícia há cerca de dois anos, principalmente para auxiliar nas buscas e operações de resgate, na execução de mandados para apreensão de drogas e reprimir o comportamento anti-social.

Em agosto de 2009, a Polícia de Derbyshire usou um equipamento semelhante para monitorar o British National Party’s Red, White and Blue festival em Condor, Derbyshire.

Estuda-se, agora, uma forma de o aparelho poder ser usado para dar auxílio além da polícia, para ambulâncias e bombeiros.

Os drones espiões são considerados o futuro do policiamento, embora os críticos têm expressado preocupações de que eles poderiam ser uma extensão preocupante do “Big Brother” na Grã-Bretanha.

No último mês, o fabricante de armamento BAE Systems anunciou que estava adaptando o VANT para uso militar para um consórcio de agências do governo, liderado pela polícia de Kent. Documentos mostram que a força policial espera começar a utilizar os VANT nas Olimpíadas de 2012.

A BAE Systems informou ainda que os Drones poderiam, eventualmente, serem usados para espionar a população civil, para vigiar motoristas, suspeitos de condução perigosa do veículo, para a vigilância urbana, etc.

Assista ao vídeo do equipamento:


Fonte: Daily Mail


Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

dois × 4 =

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários