- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

Portugal – A Força Aérea Portuguesa, através da Esquadra 504 – “Linces”, foi acionada na sexta-feira (22) para efetuar o transporte aeromédico de uma criança de três anos dos Açores para o Continente. Para a missão foi utilizado o avião Falcon 50.

Durante o voo para Lisboa, a equipe médica militar do Núcleo de Evacuações Aeromédicas (NEA) da Força Aérea realizou a bordo uma ecografia (ultrassonografia) para aferir o estado de saúde da criança e os efeitos fisiológicos do voo. O NEA é composto por médicos e enfermeiros e é responsável por todos os cuidados de saúde ao paciente, desde o embarque, a bordo até o desembarque de cada missão.

Além da capacidade de transportar vítimas graves em diversas condições, a presença de equipe de saúde preparada durante a remoção aeromédica, com o equipamento necessário é capaz de não apenas manter, mas melhorar os cuidados prestados durante o voo até ao hospital de destino.

Horas antes, a equipe havia transportado um paciente do Funchal para Lisboa. A bordo também havia uma equipe médica do NEA. As missões tiveram a duração de oito horas de voo.

Equipe médica da Força Aérea Portuguesa realiza ecografia em criança durante transporte aeromédico
- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários