Minas Gerais – Na tarde de quarta-feira (25), quando uma família (pai, mãe e filha) caminhava por uma trilha da Serra de São José, entre Tiradentes e Santa Cruz de Minas, a mãe de 62 anos perdeu o equilíbrio e caiu próximo a uma cachoeira. Ela queixava-se de dores na pelve e havia suspeita de fratura do fêmur.

Para chegar ao local onde estava a mulher, os bombeiros precisaram escalar um paredão, levando cerca de meia hora. O deslocamento, no entanto, deveria ser feito num trecho íngreme, com muitas pedras, o que dificultava a remoção da vítima. Com o balançar da prancha, durante a remoção, a mulher reclamava de dores intensas.

Assim, foi preciso chamar o socorro aeromédico do helicóptero Arcanjo do Batalhão de Operações Aéreas (BOA) do Corpo de Bombeiros, com sede em Varginha. A vítima foi levada de helicóptero para um lugar seguro, onde uma ambulância do SAMU aguardava para continuar a remoção da mulher. Ela foi levada para o Hospital Nossa Senhora das Mercês em São João Del Rei, onde recebeu atendimento médico.

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

5 + dez =

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.
Ao enviar esse comentário você concorda com nossa Política de Privacidade.

Comentários

comentários