Polícia utiliza “drone” em ação contra o tráfico em Porto Alegre e Eldorado do Sul, RS

- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

A Polícia Civil e a Brigada Militar realizaram uma operação em conjunto na manhã de terça-feira (16) para tentar desarticular quadrilhas que brigam por pontos de tráfico de drogas na Restinga, na Zona Sul de Porto Alegre, e em Eldorado do Sul, na Região Metropolitana. Cerca de 350 policiais participam da ação. Quinze pessoas foram presas e dois menores foram apreendidos. Nas buscas foram encontradas armas, drogas e munições.

droners

As buscas foram realizadas em cerca de 70 casas. Foram cumpridos 15 mandados de prisão na Zona Sul de Porto Alegre e em Eldorado do Sul. Segundo a polícia, pela primeira vez um drone (também chamado de VANT – veículo aéreo não tripulado) é utilizado em uma operação policial no estado. O equipamento é como um mini helicóptero, não tripulado, com câmeras controladas por controle remoto para mapear locais de difícil acesso.

A investigação iniciou há quatro meses. Segundo a polícia, uma quadrilha que atuava na Restinga tentou assumir o comando do tráfico de drogas em Eldorado do Sul. Na disputa por pontos de vendas de drogas, um homem foi morto. Os grupos também estariam envolvidos em roubos a residências.

Alguns dos presos têm tatuagens de lágrimas no rosto, sendo que cada uma dessas marcas significa um homicídio que o sujeito teria cometido. De acordo com o delegado Rafael Pereira, essas marcas são usadas pela facção para intimidar seus desafetos e comunidade em geral.

A Brigada Militar e a Polícia Civil montaram postos móveis que permaneceram durante todo o dia no bairro Restinga.

Fonte: G1.

- Anúncio -

3 COMENTÁRIOS

  1. Uma otima opção para monitoramento, mas tem função distinda do uso de helicópteros, pois estes podem interagir salvando, retirando, levando pessas, animais ou coisas, além de dar suporte efetivo a pessoal de terra, na água ou no ar. Dizer apenas que é uma alternativa mais barata em relação aos helicópteros é deixar de lado muitas ocorrências, que talvez um leigo não possa vislumbrar ou remar na casa do minimismo e do improviso, ideia aliás de muitos políticos que pouco se importam com resultados eficientes para seu povo.

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários