Governo inglês pretende implantar Projeto de Serviço Nacional de Aviação Policial

O governo inglês está avançando seus planos para implantar o projeto de Serviço Nacional de Aviação Policial (Nacional Police Air Service – NPAS), com o governo preparando-se para enfrentar as resistências das polícias ao formato do projeto.

Os planos previstos para o Serviço Nacional de Aviação Policial (NPAS) representam uma mudança radical na maneira como as forças policiais britânicas fornecem apoio aéreo. Ao invés de cada força ter seu próprio helicóptero patrulhando a sua região, o novo serviço nacional será responsável por toda a Inglaterra e País de Gales e terá seu comando centralizado.

Embora o plano tenha a aprovação da ACPO (Association of Chief Police Officers) e a maioria das autoridades policiais do Reino Unido, várias autoridades expressaram desconfiança às propostas e se recusam a participar do projeto.

Em um discurso sobre a evolução das polícias feito em 26 de Janeiro, o ministro inglês Nick Herber disse que estava preocupado com o fato que várias autoridades policiais ainda estavam vivendo e pensando em uma “era de feudos policiais”.

“Como último recurso, estou preparado para eliminar barreiras impostas por uma pequena minoria de autoridades ou de polícias locais para a implantação do projeto, pretendendo até mesmo determinar a obrigação de que as polícias se integrem ao novo projeto de prestação de apoio aéreo”, disse Herber.

“Esta ordem será elaborada com base nos novos termos da regulamentação da reforma dos serviços policiais e de responsabilidade social. Ela vai exigir que todas as autoridades e forças policiais colaborem na prestação de apoio aéreo através de um acordo conjunto única para a Inglaterra e País de Gales. “

Uma das autoridades descontente com o NPAS foi a South Yorkshire Police Authority, que está preocupado com o aumento do tempo de resposta a partir das bases que iriam apoiar a região.

“A proposta do NPAS tem sido amplamente apoiada por chefes de polícia e por autoridades policiais e a equipe do projeto vai continuar a trabalhar com as polícias e autoridades para desenvolver e implantar o serviço nacional, com prioridade para a operacionalização do serviço e da efetiva cobertura de apoio entregue na melhor relação custo-benefício.”

O plano proposto pelo NPAS é reduzir o número de aeronaves na Inglaterra e País de Gales a partir das atuais 31 operando de 29 bases, para 23 (mais três de reserva) operando de 20 bases que serão geograficamente distribuídas de maneira uniforme.

Isto significa que, sob a estrutura do projeto do  NPAS, os helicópteros serão distribuídos geograficamente de forma mais eficiente, sendo que pelo projeto uma aeronave é capaz de atingir 56% da população do país dentro de dez minutos, 87% em 15 minutos e 99% dentro de 35 minutos tempo de vôo. 

Espera-se com o projeto uma economia em torno de £ 15 milhões/ano (aproximadamente R$ 40 milhões) a partir do custo atual do serviço de apoio aéreo anual, que está em torno de £ 70 milhões/ano (aproximadamente R$ 190 milhões).

Fonte: Shephard / Tradução e adaptação: Piloto Policial

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

dezenove − dezoito =

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários