Helicópteros já fizeram 31 resgates no Litoral do Paraná

Os quatro helicópteros do Governo do Estado deslocados para a Operação Verão fizeram 31 resgates desde o início da temporada, em dezembro. Operadas pelo Grupo Aeropolicial e Resgate Aéreo (Graer), as aeronaves garantiram um atendimento rápido e seguro para sete vítimas de afogamento e 24 pessoas em estado grave de saúde em razão de doença ou ferimentos causados por acidentes de trânsito.

As vítimas de afogamentos são encaminhadas para o Centro de Recuperação de Afogados, em Matinhos – um serviço inédito no Paraná, instalado no Hospital Nossa Senhora de Navegantes para fazer o atendimento emergencial nesses casos. Os demais atendidos pelas aeronaves do Graer foram transportados para o Hospital Regional de Paranaguá.

O coordenador do Corpo de Bombeiros na Operação Verão, tenente-coronel Edmilson de Barros, diz que a utilização de helicópteros aumenta consideravelmente a possibilidade de sobrevivência da vítima. “É importante frisar que o trabalho conjunto dos bombeiros e do grupamento aéreo na Operação Verão lida diretamente com a vida e qualquer minuto pode fazer a diferença”, afirmou.

Os quatro helicópteros utilizados nos trabalhos da Operação Verão são multimissão – o que permite o transporte do paciente com maca dentro da cabine, acompanhado de materiais de primeiros socorros e instrumentos de tecnologia. Nos fins de semana, o Graer mantém um médico plantonista a bordo da aeronave. A população conta ainda com atendimento médico diariamente nas sedes do Corpo de Bombeiros no Litoral.

“É fundamental contar com aeronaves neste período em que o movimento no Litoral é intenso e o risco de acidentes aumenta. O sobrevôo de Matinhos para Paranaguá é realizado em onze minutos”, disse o major Júlio César Pucci, comandante de aeronave do Graer. Por terra, o mesmo percurso, nesta época do ano, pode levar até duas horas.

Na Operação Verão, os helicópteros também auxiliam a Polícia Rodoviária Estadual no monitoramento do trânsito próximo à Serra do Mar, nas sextas-feiras e aos domingos, quando há um fluxo intenso de veículos. Além disso, fazem patrulhamento em conjunto com as polícias militar e ambiental.

A ação integrada entre o Corpo de Bombeiros e o Graer também permitiu a realização de 13 treinamentos de guarda-vidas.

GRAER – O Grupo Aeropolicial e Resgate Aéreo (Graer), vinculado à secretaria de Estado da Segurança Pública, é formado por 34 oficiais da Polícia Militar e por dois policiais civis. O grupo realizou até o início da Operação Verão 364 missões, entre elas 112 salvamentos e 184 ocorrências policiais. O Graer é equipado com quatro helicópteros e um avião e passou a apoiar as ações das polícias Militar e Civil, do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil.

Fonte: Agência Notícias Paraná.

Fotos: Jonas

2 COMENTÁRIOS

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

doze + 6 =

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários