Ação conjunta do GRAER e Corpo de Bombeiros salva mais uma vida no litoral paranaese

O trabalho conjunto do Corpo de Bombeiros com o Grupamento Aéreo da Polícia Militar do Paraná, que está sendo realizado no litoral do estado desde o início da “Operação Verão Paraná” (Graer), salvou mais uma vida na manhã deste sábado (18), em Guaratuba/PR. Ademar Pires, de 43 anos, foi socorrido, após um mal súbito, seguido por afogamento grave, pelos guarda-vidas do posto do Corpo de Bombeiros do Morro do Cristo.

Segundo o porta-voz do Corpo de Bombeiros na “Operação Verão Paraná”, tenente Eziquel Siqueira, Ademar entrou no mar e teve um mal súbito, o que causou, de forma secundária, um afogamento. “Os guarda-vidas tiraram a vítima da água, e durante quase 10 minutos realizaram manobras de reanimação cardiopulmonar, conseguindo reverter a parada cardiorrespiratória e mantê-la estabilizada. O afogamento de Ademar é considerado grave, já que o levou à parada cardiorrespiratória”, avaliou.

Imediatamente, de acordo com Siqueira, foi solicitado, por meio de rádio, o apoio da Auto Ambulância do SIATE que, prontamente, foi enviada ao local com socorristas e a médica de plantão. “A partir daí foram realizados diversos procedimentos até a normalização e estabilização dos sinais vitais da vítima e a sua imobilização para o transporte até a casa hospitalar”, relata Siqueira. O Corpo de Bombeiros orienta os banhistas a buscarem as áreas protegidas por guarda-vidas e evitarem entrar no mar após o uso de bebida alcoólica.

GRAER – Além das equipes médicas, o helicóptero falcão 3 do Graer – disponibilizado pelo Governo do Estado – também foi acionado para o encaminhamento da vítima até o Hospital Regional de Paranaguá. “A vítima foi encaminhada para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para tratamento do afogamento e da causa dele, o mal súbito. Até 16h45 Ademar continuava internado, mas estável”, conta Siqueira.

O comandante da Aeronave major Júlio César Pucci dos Santos ressaltou a importância da aeronave em uma situação como estas. “A aeronave sobrevoa em minutos distâncias que de carro levaria horas e, em período de carnaval, quando o fluxo de veículos é intenso o helicóptero pode ser decisivo no salvamento de uma vida, como foi neste caso”, enfatiza.

Fonte: PMPR

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

3 + doze =

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários