Comandante… na íntegra da palavra

MARCELO RATES QUARANTA

Algumas vezes amigos e pessoas me perguntaram: “O que é ser comandante?” Bem, a resposta mais simples pra isso seria dizer que o comandante é aquele piloto que ocupa o assento esquerdo da aeronave e tem a responsabilidade sobre ela e a tripulação. Teoricamente é o piloto mais experiente a bordo. Fácil de responder, embora na minha opinião pessoal o conceito deveria ser abordado muito mais profundamente e de forma reflexiva.

Ser comandante exige a proficiência técnica, a experiência e o conhecimento da aeronave e isso, quase todos os pilotos têm a capacidade de conquistar. Ser Comandante, com “C” maiúsculo requer outros atributos que não estão nos manuais e normas dos órgãos reguladores.

Na verdade são atributos que devem ser inerentes ao caráter e nisso, infelizmente, nem todos que são pilotos estão capacitados. A maturidade, a serenidade, o equilíbrio, a temperança e a capacidade de ponderação e análise com imparcialidade… São atributos que fazem parte de um universo que vai bem além da rotina do cockpit. Devem ser incorporados à vida cotidiana do piloto, para que o indivíduo possa realmente ser chamado de Comandante.

Somente tais virtudes são verdadeiramente capazes de impedir a vaidade excessiva e o exibicionismo, que não raro tosam o senso de justiça e de avaliação. O profissionalismo de um piloto não se mede pelo tamanho do avião que ele voa.

O profissional pode ser piloto em comando de Boeing, Airbus, Fokker ou simplesmente de um Corisco. O que vai fazer dele um comandante ou um Comandante é a grandeza dos seus atos. O piloto de um Boeing pode perfeitamente ser um mero “empurrador de manetes” diante de um piloto de monomotor. A diferença entre ambos será definida pela postura de cada um.

Hoje, se um piloto novato me perguntasse qual é o melhor caminho para ser um Comandante (com “C” maiúsculo), eu com certeza lhe responderia com uma fórmula:

1. Comece a ser um Comandante dentro de sua casa, com seus pais, irmãos, esposa e filhos, tendo senso de justiça, paciência e atenção. Se conseguir isso dentro de casa, vai ser fácil levar para dentro do avião e sua tripulação;

2. Pratique ser um Comandante no seu meio profissional, não fazendo comentários sobre a performance operacional ou a vida pessoal dos colegas, a não ser que suas observações sejam diretamente para os próprios, e pelo bem-estar e segurança deles; Lembre-se que ninguém está livre de cometer erros.

3. Seja polido, educado e acessível às pessoas. Não se deixe jamais contaminar pela arrogância. Estar no comando não qualifica ninguém a semideus;

4. Lembre-se de que você nasceu com dois olhos pra ver, dois ouvidos para ouvir e uma só boca pra falar. Esse recado da natureza é para que ouça muito, veja muito e fale pouco;

5. Tenha senso crítico, mas evite ser crítico. Críticas pejorativas não acrescentam em nada. Seja primeiro juiz de seus próprios atos antes de julgar os outros.

6. Evite as conversas improdutivas e bobas e que não levam a lugar nenhum;

7. Se não puder levantar, não derrube. Seja confiável para quem está ao seu redor;

8. Dê oportunidades na medida que as tem. Ser Comandante não significa minar o caminho de quem vem atrás e nem empurrar quem está na frente. O equilíbrio é tudo.

9. Saiba reconhecer as boas atitudes de seus colegas. Avive as qualidades deles. Incentive-os a seguir em frente. É certo que um dia esses mesmos colegas ainda poderão lhe dar a mão, mas faça isso sem esperar retribuições. Não faça pano preto! Ninguém tem um QI privilegiadíssimo a ponto de ser superior aos outros e único capaz de exercer determinadas tarefas. Se você pode, os outros também podem. Se alguém pôde, você também poderá

10. Exercite a memória: não se esqueça de ajudar aos outros e muito menos se esqueça de quem te ajudou.

Tenha a alma simples!


Confira os trabalhos publicados pelo autor:

1. Ética – O Único Caminho
2. Cumplicidade Fatal – Arquitetando um Sucicídio
2. A Língua é o Chicote do Rabo
4. Arrogância – Uma Doença Perniciosa
5. Grosseria à Bordo
6. Comandante… Na Íntegra da Palavra
7. O Mestre
8. As Quatro Faixas
9. A Mão de Deus
10. A Generosidade – Uma História Pantaneira
11. O “Piloto Eletrônico”
12. O Humor (quase) Negro da Aviação
13. O Pequeno Anjo
14. A Quem Eles Pensam Que Enganam? 


15 COMENTÁRIOS

  1. ESSE PERFIL ACIMA DESCRITO PELO CMT MARCELO RATES QUARANTA, É O QUE TODOS DEVEMOS BUSCAR DIUTURNAMENTE DURANTE NOSSA VIDA DE PILOTOS.
    SABEMOS QUE ALCANÇAR TAL PERFIL, É CHEGAR A PERFEIÇÃO, E PERFEITO SÓ EXISTE UM QUE É NOSSO DEUS CRIADOR.
    EMBORA NUNCA IREMOS ALCANÇAR A PERFEIÇÃO, DEVEMOS BUSCÁ-LA INCESSANTEMENTE, A FIM DE QUE TENHAMOS UM VERDADEIRO CLIMA DE PROFFISSIONALISMO E CAMARADAGEM EM NOSSAS INSTITUIÇÕES.
    PARABÉNS CMT MARCELO RATES QUARANTA PELA BELÍSSIMA CONTRIBUIÇÃO AO NOSSO SITE, POIS SERVE DE NORTE A TODOS OS PILOTOS.
    FIQUEM COM DEUS E BONS VOOS.
    CAP PMPE ROMILDO – ASP92.

  2. Excelente texto. Ser comandante não é so saber dominar a aeronave, tem que saber lidar com as pessoas e com as siuações adversas do dia a dia.

    abraço!

  3. Com toda certeza, sou um candidato a comandante, com C maiúsculo!

    Parabéns pelo texto comando, passarei a acompanhar o site.

    Abraço e sucesso.
    Athos.

  4. O texto pode até ser bom, caro Comandante. Na verdade, vindo do Sr. parece ser um retalho de coisas achadas nos PPS de auto-ajuda e compiladas pelo Sr. Digo “vindo do Sr.” porque as referências que tenho a respeito do seu modo de alcançar a pilotagem não são as melhores e outros comportamentos fora da condução de uma aeronave também não o recomendam.

    Mas como não o conheço pessoalmente, darei-lhe o benefício da dúvida antes de submetê-lo a um julgamento público. Como disse, são referências e elas não lhe são favoráveis, ou seja, diz-se que o Sr. nunca praticou o que recomenda no seu texto. É bom que saiba!!!

    • Prezado Sr. Bemildo.

      Não o conheço pessoalmente, e sequer sei de quem se trata. Entretanto, cabe-me adiantá-lo, diante de tal suposição levantada por v,sa. que minha carreira como piloto sempre foi pautada dentro da mais absoluta lisura. Sou piloto há 35 anos e garanto-lhe: Jamais alcançaria esse tempo na aviação, caso não tivesse um comportamento que fizesse jus. Jamais passei por cima de qualquer pessoa para atingir meus objetivos. Ao contrário, por muitas vezes fui prejudicado sem tivesse dado qualquer resposta no mesmo sentido. Se tens alguma coisa que possa me acusar publicamente, o faça por favor!

    • Apenas complementando a minha resposta anterior, apenas cumpre-me informá-lo que, quanto à minha vida particular, vivo uma vida simples e recatada ao lado da minha família *esposa e filhos), sendo completamente avesso a qualquer tipo de “disse-me-disse” tão costumeiramente encontrado pelos saguões de aeroportos, e sobretudo sou avesso a coisas como “diz-se que”, “tenho referências que”, pois acredito que tal postura não se compatibiliza com pessoas de caráter e íntegras, e é isso o que eu digo em meu texto.

  5. Boa noite cmte.

    Essa foi de emocionar, linção de vida, todos os dias deviamos acordar e meditar neste texto, acho que teríamos homens e mulheres melhores em todos os sentidos!, valeu amigo por compartilhar tal mensagem

  6. Caro Bemildo Ferreiro,
    Quando li que “…lhe darei o benefício da dúvida, antes de submetê-lo a um julgamento público”, dei gargalhadas aqui…
    Como se vc tivesse sido nomeado julgador do que quer que seja…
    Me veio imediatamente à mente o velho ditado: -“a inveja é uma m****”
    Mas, nem todos vieram para somar, claro. Alguns vieram só para criticar… E, nesse ponto, vc é campeão. Vc deve ser muito feliz…

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

onze + um =

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários