EC130 do GRAer/PR utiliza kit aeromédico desenvolvido pela Helibras

A Helibras está oferecendo mais uma opção de aeronave que pode ser configurada para o transporte aeromédico. Trata-se do EC130, um helicóptero monoturbina bastante versátil e que ganha mais essa aplicação.

O kit que permite a adaptação rápida do interior da aeronave foi desenvolvido pela engenharia da Helibras, já foi homologado e instalado no helicóptero do Governo do Paraná, o qual já participou de muitas missões críticas de transporte de vítimas.

Segundo o Ten. Cel. Orlando Artur da Costa, Comandante do Grupamento Aéreo da Policia Militar do Paraná, “o EC130 B4 tem feito a diferença nas missões policiais e de defesa civil, pois permite o transporte de paciente, médico e enfermeiro sem abrir mão do co-piloto, o que aumenta muito a segurança da operação”.

Ele conta que esta aeronave foi utilizada nos resgates de vítimas de deslizamentos na região serrana do Rio de Janeiro, em janeiro, e, há algumas semanas, no Paraná, também teve um desempenho muito maior no resgate a vítimas de enchentes. “A configuração aeromédica aliada à potência, velocidade e facilidade de pouso em locais restritos dessa aeronave, faz a diferença no desempenho das nossas missões”, completa.

A facilidade de montagem da maca e do piso aeromédico, que compõem o kit do EC130 B4 desenvolvido pela Helibras, é outro diferencial. O projeto foi desenvolvido de modo a se ter duas opções de configuração interna: a simples remoção do assento do passageiro dianteiro; ou a remoção deste assento e do assento traseiro do passageiro do lado direito da cabine da aeronave.

Elas permitem que a maca, instalada no sentido longitudinal, possua um passeio nesse sentido, provendo uma mobilidade maior das equipes de socorro a bordo, seja no resgate aonde o médico pode sentar ao lado do paciente e ter acesso total às vias respiratórias dele, ou no transporte aeromédico, aonde o médico poderá sentar-se à cabeceira do paciente e ter ao lado o enfermeiro / socorrista. Em ambas as opções, em que mudam apenas as posições dos assentos do médico e do enfermeiro, o Operador poderá contar com 02 pilotos, um paciente deitado em maca, 1 médico com acesso às vias respiratórias do paciente, 1 enfermeiro/socorrista e 1 tripulante operacional postado na porta traseira esquerda. Ao todo são 06 a bordo com 03 horas de autonomia e alcance de 600 km.

O grande espaço da cabine do EC130 requer pequenas alterações para a instalação do kit, o que amplia ainda mais a versatilidade deste modelo, que pode cumprir várias tarefas dentro de uma mesma missão.


Fonte: Helibras, via Convergência Comunicação Estratégica.

Foto: Polícia Militar do Paraná.


2 COMENTÁRIOS

  1. Parabéns ao Sr. Secretário Reinaldo de Almeida Cesar e ao Sr. Comandante GRAER PMPR Ten. Cel. Orlando Artur da Costa por adquirir uma aeronave versátil como o EC130.

    Soldado QPM 1-0 CAVALLI.

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

13 + 1 =

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários