Helicóptero Águia da PMESP chega em julho a Piracicaba

Piracicaba soube, na manhã desta segunda-feira (21/06/2010), que a chegada do helicóptero Águia da Polícia Militar já tem data certa: 16 de julho de 2010. O dia da entrega da aeronave foi anunciado durante a inauguração da nova sede do Departamento de Polícia Judiciária do Interior 9.

Em seu discurso durante o evento, o prefeito de Piracicaba, Barjas Negri, informou à população que o novo helicóptero começará a operar em menos de um mês. “Essa é mais uma parceria entre Governo do Estado e Prefeitura”, ressaltou. O hangar que abrigará o helicóptero foi alugado e reformado pela prefeitura.

O helicóptero modelo Esquilo AS-350-B2 faz parte de um lote de quatro aeronaves adquiridas pelo estado, em um investimento de mais de US$ 15 milhões. Com esse investimento do governo estadual, destinado às regiões de Presidente Prudente, Sorocaba, Piracicaba e São José do Rio Preto, todas as nove sedes de Comando de Policiamento do Interior (CPI) possuirão pelo menos uma aeronave.

O helicóptero Esquilo tem capacidade para seis pessoas e é equipado com rádios digitalizados – que permitem a comunicação sem o risco de interceptação; ‘Moving Map’ – um pequeno computador a bordo da aeronave, que fornece mapas e cartas de rotas de um município; farol de busca para localização de pessoas durante o período da noite; guincho para resgate de pessoas e objetos; equipamentos médicos de resgate – maca para remoção, equipamentos de ressuscitação, aparelhos para oxigênio e cordas e ganchos, próprios para resgate; esqui com degrau estendido; plataforma com degrau para embarque e desembarque de tripulantes com maior segurança; e GPS Garmin – identificador de coordenadas de alta definição, que possui interface de melhor qualidade e de fácil acesso.

Hoje, a frota do Grupamento Aéreo da Polícia Militar é composta por 24 aeronaves: 17 helicópteros modelo Esquilo, um helicóptero de pequeno porte usado para a formação de pilotos, e seis aviões. Ao final das implantações das novas Bases, a PMESP terá 19 helicópteros modelo Esquilo.

No mês de março deste ano, a Polícia Militar de Presidente Prudente inaugurou o patrulhamento aéreo permanente na região, com investimento do Governo do Estado de R$ 6,1 milhões. O helicóptero opera com três pilotos e dez policiais militares, entre tripulantes e mecânicos. A inauguração da Base de Radiopatrulha Aérea em São José do Rio Preto está prevista para o primeiro semestre de 2010, assim como entrega da aeronave para a região de Sorocaba.

Entre as missões atendidas pelo patrulhamento aéreo, estão o transporte de profissionais e equipamentos médicos, a transferência de pacientes, transporte de órgãos, combate a incêndios, socorro de vítimas em desastres e policiamento ostensivo.


Fonte : site SSP/SP – Reportagem : Thaís Nunes


Notícia de 14/05/10

A Polícia Militar do Estado de São Paulo já possui diretrizes de como será a estrutura de trabalho do helicóptero Águia, que chegará a Piracicaba em julho deste ano, conforme já foi divulgado pela Gazeta. A informação foi transmitida ontem pelo capitão Hervem Hudson Bozello, comandante de Aeronave do Grupamento de Radiopatrulha Aérea “João Negrão”, que esteve no Aeroporto de Piracicaba.

Segundo anunciado o hangar para o helicóptero será dentro da área do Aeroporto, sendo que tudo vai ser providenciado pelo comando da PM, em parceria com o Aeroclube e Prefeitura. “O hangar ficará dentro do Aeroporto até que o Governo construa um hangar próprio para a PM”, explicou.

De acordo com o oficial, também já foram nomeados os militares que virão trabalhar na Base de Piracicaba: capitão Mazzocatto, capitão Edgar e mecânico Marcelo Silva. Este último, trabalha em Campinas, porém reside em Piracicaba.

A tripulação, de acordo com o capitão Hervem, vai desenvolver atividades de policiamento urbano, rodoviário, ambiental e operações em presídios, além de ações de misericórdia (resgates em enchentes, por exemplo). “A única coisa que não vamos fazer, num primeiro momento, será o resgate aeromédico, mas não deixaremos de ter capacidade para resgatar uma vítima de acidente, que esteja em estado grave e se encontre distante do hospital”, destacou.

Durante a visita ao Aeroporto, o comandante expôs os equipamentos que são transportados dentro do Águia. Tem uma maca de montanha, para acidentados em áreas de difícil acesso e que não tenham condições de serem removidos sem mobilização. Ele também trouxe o “Bambi Bucket”, usado para apagar incêndios do alto do helicóptero. São usados em situações como, por exemplo, na necessidade de lançar água sobre incêndios florestais. O equipamento tem capacidade para 500 litros de água e pode ser reabastecido em rios, mares ou piscinas, sem que haja necessidade de pouso do helicóptero.

Hervem Bozello também mostrou o cesto para transporte de vítimas que não precisam ser mobilizadas. Ele é preso a um gancho que fica embaixo da aeronave. “O cesto suporta até 750 quilos, sendo que pode levar até seis pessoas de uma vez.” Além disso, o Grupamento de Radiopatrulha Aérea da Polícia Militar expôs cordas para rapel, equipamentos de resgate usados na aeronave, pelos tripulantes ou pela vítima. Também há diversos materiais médicos, como ataduras.


Fonte : Gazeta de Piracicaba / Reportagem : ANA CRISTINA ANDRADE


Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

17 + 10 =

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários