Bell 429 é certificado para maior peso máximo de decolagem

O Bell 429 recebeu a certificação do órgão canadense para um aumento de 500 libras (228 kg) em seu peso máximo de decolagem, em resposta a uma demanda dos clientes.

A aprovação aumenta o peso máximo de decolagem de 7.000 libras (3,181 kg) para 7.500 libras (3,409 kg). “Essa melhoria foi o resultado dos pedidos de nossos clientes para incrementar o desempenho do Bell 429”, disse Larry Roberts, vice-presidente sênior de negócios comerciais da Bell Helicopter.

“Nossos clientes nos disseram que amavam todas as características e desempenho the Bell 429, mas eles queriam um maior alcance para aproveitar melhor as capacidades IFR / WAAS do helicóptero, permitindo uma margem maior de segurança, garantindo uma capacidade de reserva de combustível necessária para o crescente número de operações no ambiente IFR”.

“Todos os dados de teste indicou que o Bell 429 não sofreria limitações técnicas em se aumentar o peso máximo para 7.500 libras. Entramos em contato com autoridade certificadora do Bell 429, no Canadá, e trabalhamos em conjunto com eles durante vários meses para validar nossos dados dos testes. Depois da verificação cuidadosa, revisão e avaliação o órgão certificador emitiu a aprovação de isenção para o aumento de peso bruto “, acrescentou Roberts.

A aeronave Bell 429 é certificado para operação IFR monopiloto ou com dois pilotos,  Cat. A / JAROPS Performance Class 1, no peso máximo de decolagem; tem um glass cockpit em estado da arte totalmente integrado, um sistema de transmissão avançado que fornece potência e desempenho excelentes, a melhor capacidade WAAS de navegação IFR da categoria, e é o primeiro helicóptero certificado através do processo MSG-3. O peso máximo de decolagem acrescido agora permite operadores para equipar o Bell 429 com opções adicionais, incluindo sistema HTAWS (Helicopter Terrain Awareness Warning System), um radar altímetro, gravador de voz / dados de vôo cockpit e luzes estroboscópicas.

Com a certificação canadense em mãos, a Bell Helicopter peticionará formalmente  Federal Aviation Administration (FAA) e da European Aviation Safety Agency (EASA) para convalidar a certificação de acréscimo de 500 libras no peso máximo de decolagem.

“Temos profundo respeito e um relacionamento muito bom com ambos órgãos certificadores do FAA e do EASA. Acreditamos que eles vão convalidar a decisão do órgão certificador canadense. Afinal de contas, o aumento do peso permitirá melhorias na aeronave que aumentam a capacidade operacional para os proprietários e operadores tornando-se uma situação ganha / ganha para todos “, disse Roberts.

O aumento do peso máximo de decolagem também poderá ser adaptado à frota existente, através da instalação de um kit mínimo que estará disponível através da Bell Helicopter. Além disso, Bell Helicopter emitirá as mudanças necessárias para o manual de voo para corresponder com a capacidade de peso adicional. Todas essas informações serão disponibilizadas através da Bell Helicopter e sua rede de apoio ao cliente em todo o mundo.

O Bell 429 é o mais novo e mais avançado helicóptero bimotor leve do mundo. Foi certificado em 2009 pela Transport Canada, a FAA e EASA. Ele estabeleceu um novo padrão para bimotores leves; oferece excepcional velocidade, alcance, desempenho de pairado e altas margens de segurança.

Fonte: Bell Helicopter.

 

1 COMENTÁRIO

  1. Tive a oportunidade de Pilotar esse helicoptero. Desempenho excepcional para a sua categoria. Espaçoso, confortável e muito seguro. A Bell está de parabéns!

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

onze + 9 =

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários