“Bombeiros do Futuro” conhecem aeronaves do CIOPAer/MT

- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

Parte dos alunos do projeto “Bombeiros do Futuro” teve a oportunidade de conhecer a estrutura utilizada para operações de segurança pública com aeronaves, do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), no Aeroporto Marechal Rondon em Várzea Grande.

O instrutor, Tenente BM Lucas Souza Chermont, demonstrou a funcionalidade de equipamentos, esclareceu procedimentos de segurança de voo, funcionamento das aeronaves de asa fixa (avião) e aeronaves de asa rotativa (helicóptero).

Explicou que a unidade é composta por membros da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar e Polícia Judiciária Civil, observando os percentuais estabelecido e subordinado à estrutura regimental da Secretaria de Segurança Pública.

Também falou sobre os objetivos do órgão, que tem finalidades de promover a gestão, a integração e a otimização dos meios e recursos aéreos, visando reduzir os índices de violência em suas múltiplas faces, com foco nas atividades de policiamento ostensivo e repressivo, devendo ainda apoiar as atividades de resgate, busca e salvamento, combate a incêndios e defesa civil.

Os alunos tiveram a oportunidade de ver também de perto os pousos e decolagens dos aviões. Muitas das crianças estavam ali pela primeira vez e nunca tinham visto de perto um avião.  “Não sabia que os aviões eram muitos grandes, quando crescer vou querer ser piloto”, disse um dos alunos.

“As aulas práticas estimulam a curiosidades e despertam nas crianças a busca pelo conhecimento, além de ajudar manter a autoestima e a motivação, principalmente quando são aulas preferidas por toda a turma”, explica o tenente Chermont.

Mais de 250 crianças entre 11 e 16 anos participam da 12ª edição do projeto social. São pelotões formados nos bairros Coophamil e Despraiado em Cuiabá, Jardim Alá e 13 de Setembro em Várzea Grande. Além dos jovens do município de Santo Antônio do Leverger.

O coordenador geral do Bombeiros do Futuro, tenente-coronel BM Paulo Wolkmer, disse que o projeto visa orientar crianças e jovens com noções de primeiros socorros, prevenção de acidentes no lar, hinos e canções, boas maneiras e conduta do cidadão, educação para o trânsito, entre outros temas. “O projeto traz oportunidade de enaltecimento dos valores atrelados à vida familiar”, ressalta o coordenador.

Ciopaer – criado em 19 de julho de 2006, por meio do Decreto nº 7.896 do Chefe do Poder Executivo Estadual, ao dispor sobre a estrutura da então Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública – SEJUSP.

Com a edição do Decreto Estadual nº 8304, de 17 de novembro de 2006 o Governo regula as atividades do CIOPAER, tendo por premissa a modernização das atividades operacionais desenvolvidas pelos órgãos vinculados a estrutura da pasta da Segurança Pública; promover a gestão, a integração e a otimização dos meios e recursos aéreos disponíveis, bem como, centralizar em um único órgão, o controle, a operação e a manutenção das aeronaves de asas fixas e rotativas, empenhadas em atividade policial, patrulhamento ambiental, socorro público e defesa civil, tornando as atividades desempenhadas pelos operadores de segurança pública mais dinâmica e compatível com as necessidades e interesses da coletividade mato-grossense.

Fonte: Corpo de Bombeiros do Mato Grosso

- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários