O aumento mundial crescente e constante da aviação como meio de transporte e de emprego tem gerado uma forte demanda por profissionais com conhecimentos diferenciados em fisiologia e medicina aeroespacial.

Voar tornou-se uma necessidade, e voar de forma segura e saudável, uma questão de saúde pública. Assim, a Universidade Estácio lançou mais uma turma para a pós-graduação em Medicina Aeroespacial, que começa em São Paulo no dia 25/03/2022. O curso é específico para médicos.

“O curso foi montado com o objetivo de capacitar médicos para atuarem como autônomos ou em clínicas particulares; em serviços de transporte aeromédico; medicina aeroportuária; medicina do trabalho em empresas aéreas; realizar perícias médicas aeronáuticas, entre outras possibilidades”, disse o coordenador do curso, Prof. M.e Rolland Duarte de Souza.

Com 420 horas de carga horária, 70% ministrada de forma presencial e 30% no formato on-line ao vivo, o curso possui conteúdos que envolvem temas relacionados ao ambiente de voo, à segurança de voo e às operações aeromédicas.

“Nossos professores possuem larga experiência profissional e acadêmica e por meio de aulas teóricas e práticas, temos desenvolvido profissionais para atuarem em uma área complexa e que envolve temas da saúde e da aviação”, complementou Rolland.

Informações do Curso

Clique na foto e acesse a página da pós-graduação da Estácio.

Escreva um comentário

cinco × 4 =

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.
Ao enviar esse comentário você concorda com nossa Política de Privacidade.

Comentários

comentários