- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

MARCUS VINICIUS BARACHO DE SOUSA
Major da PMESP

Estamos fechando o ano de 2016 com grandes dificuldades econômicas e financeiras do País e de seus Estados. Qual seria a expectativa para 2017?

Acredito que no ano que começa, não haverá grandes melhoras na economia nacional e se até pouco tempo, era comum tentar fazer mais com menos, vejo que o desafio será fazer o mesmo, com menos ainda. Então, precisamos ser otimistas.

Gestores de OASP serão desafiados a colocar em prática todos os conhecimentos e experiências para manterem suas Instituições operantes e servidoras da sociedade.

Depara-se agora com a PEC do Teto de Gastos, Reforma Administrativa e outras iniciativas da União, que logo irão repercutir nos Estados e poderão impactar as Organizações Aéreas de Segurança Pública (OASP).

Algumas medidas podem amenizar e possibilitar que as OASP enfrentem essa crise econômica, superando seus efeitos, mantendo a qualidade de seus serviços e a imagem positiva, junto à seus usuários.

Veja o que pode fazer para tornar 2017 um bom ano para sua OASP e seus colaboradores:

1) Considere seriamente o cumprimento da Missão de sua OASP, evitando sua fragmentação e perda de foco, direcionando toda a energia para realizá-la;

2) Tenha um Planejamento Estratégico formal e de conhecimento de todos os colaboradores;

3) Avalie seus processos produtivos e de apoio, tornando-os atualizados e capazes de atender seus usuários, evitando perdas de tempo, recursos e conhecimento;

4) Defina processo para a gestão de não conformidades, fazendo delas, uma oportunidade de melhoria e aperfeiçoamento;

5) Evite desperdícios com deslocamentos, transportes de material ou movimentações de pessoas, criando critérios bem definidos para esses itens e dê preferência às reuniões com vídeo conferência, e-mail, e outros aplicativos que permitam a transmissão de informações;

6) Otimize a sua estrutura organizacional, tornando-a enxuta e capaz de potencializar o emprego de pessoas, conforme a capacitação, tornando a realização de tarefas eficiente e positiva para que os objetivos sejam alcançados;

7) Promova a sinergia entre todos os setores da OASP, tornando-os igualmente importantes e motivadores para os colaboradores que lá trabalham, potencializando a valorização das pessoas;

8) Crie um protocolo de acionamento para suas aeronaves, evitando seu emprego em missões de baixo potencial, onde sua presença não é necessária, valorize o recurso (aeronave);

9) Promova campanhas internas para redução do consumo de materiais de escritório, água, energia e telefone, bem como, evite as impressões em papel, optando pela digitalização de documentos (economiza espaço também);

10) Evite as horas de trabalho desnecessárias, onde está claro a remota possibilidade de emprego e considere a utilização do Home Office, quando aplicável;

11) Crie um escritório de gerenciamento de projetos, para viabilizar a análise de propostas e suas implementações, com base em estudos aprofundados, e com alinhamento às estratégias organizacionais,

12) Crie indicadores para acompanhar o desempenho de todos os setores da OASP e da própria organização;

13) Busque parcerias com outras OASP, Entidades e Organizações, para solução de problemas, e estude outras possibilidades para captação de recursos;

14) Mantenha uma assessoria competente, comprometida com os interesses institucionais e corajosa para discordar, pois o contraditório é construtivo, e fortalece a liderança.

Boa sorte em 2017! Seja Otimista!

Bons voos, com boa gestão!

 

- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Comentários

comentários