Resgate aéreo em Jaraguá do Sul/SC

Dois homens foram resgatados pelo helicóptero Águia da Polícia Militar, na manhã deste sábado, em Jaraguá do Sul, depois de ficarem ilhados no rio Itapocu, debaixo da Ponte do Trabalhador, no bairro Ilha da Figueira.

Resgate aéreo feito pelo BAPM/SC – Foto : Luciano Sassi

Durante a noite de sexta-feira, eles atravessaram o rio até uma ilha para passar a madrugada pescando. Com a chuva forte, o nível do rio subiu dois metros e a correnteza ficou mais forte, impedindo a dupla de voltar para a margem.

José Amaral Ferreira Filho, 37 anos, e o amigo Vanderlei de Oliveira, 38, ao saírem do trabalho nessa sexta-feira, às 18h30, resolveram pegar as redes para peixe e arriscar uma pescaria embaixo da ponte do Trabalhador, onde uma ilha corta o rio Itapocu.

Como o nível do rio estava baixo na sexta-feira, eles conseguiram atravessar a parte rasa e chegar até a ilha. José Amaral contou que a ideia era passar a noite pescando. Eles levaram até cobertor para dormir.

Mas, a dupla não percebeu a forte chuva que começou por volta das 22 horas, e só se deram conta do problema quando sentiram a água bater no pé.

— Ficamos desesperados. Não tinha mais jeito de sair dali — falou o José.

Na manhã deste sábado, por volta das 11 horas, um amigo da dupla resolveu procurar por eles e os encontrou debaixo da ponte pedindo ajuda. O Corpo de Bombeiros foi chamado, mas, como a correnteza estava muito forte, foi preciso chamar o Águia da PM para fazer o resgate da dupla. Segundo os Bombeiros, os dois passavam bem e não foram levados para o hospital.


Fonte : Diário Catarinense


2 COMENTÁRIOS

  1. A demanda para a atividade de resgate em Santa Catarina é crescente. Publicamos no Blog Resgate Aéreo algumas notícias que comprovam a informação. Ontem, dia 31 de outubro, o Arcanjo do CBMSC esteve em atuação simultânea em duas outras ocorrências, uma delas de combate a incêndio.
    Isso demonstra que o Estado deve se preocupar em investir mais em pessoal e aeronaves adequadas para melhor atender às necessidades tanto nas ocorrências de caráter policial, bem como nas atividades específicas de resgate em Santa Catarina.

    Parabéns!

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

9 + oito =

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários