Resgate Aeromédico em Campinas – Os primeiros 100 dias.

- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

Em 30 de junho de 2010 foi expandido, para a Região de Campinas/SP, o Serviço de RESGATE AEROMÉDICO, prestado pela Polícia Militar do Estado de São Paulo por meio do Grupamento de Radiopatrulha Aérea e pela equipe do GRAU – Grupo de Resgate e Atendimento às Urgências do Estado de São Paulo. Transcorridos 100 dias, no último dia 05 de outubro, foram atendidas 53 ocorrências, ou seja, mais de 45 vidas em risco iminente, foram salvas.

A perfeita sintonia entre os atores envolvidos: o 7º Grupamento de Bombeiros (socorristas), o GRAU (médico e enfermeiro) e o Grupamento de Radiopatrulha Aérea – Base Campinas (pilotos e tripulante/enfermeiro), as equipes do SAMU das diversas cidades da região e das concessionárias das rodovias tem oferecido a população residente ou circulante um serviço de excelência.

Cap PM Hervem e equipe em Resgate Aeromédico realizado em Campinas

A área de atuação da aeronave atende em um raio de 20 minutos de voo, alcançando 50 municípios, dentre eles os que compõem a Região Metropolitana da Campinas e outros do entorno, atendendo uma população estimada de mais de 3.000.000 de pessoas.

O ambiente de atuação atinge a zona urbana, a zona rural e toda a malha viária da região; neste perímetro são atendidas vítimas de acidentes automobilísticos, quedas, eletrocussão, queimaduras, afogamentos e outros.

Enfatiza-se que, embora o RESGATE AEROMÉDICO, aconteça somente no horário compreendido entre o nascer e o pôr-do-sol, associou-se, também no período noturno, a prestação do serviço de SUPORTE AVANÇADO, realizado pela equipe do GRAU e do 7º GB, permitindo que a população seja assistida em H24.

Sede da Base de Radiopatrulha Aérea de Campinas

Destaca-se que o sistema incorporou ao atendimento, além da aeronave, da viatura terrestre e dos equipamentos, também o Médico e o Enfermeiro. No período foram atendidas cerca de 200 ocorrências por via terrestre, somadas às supracitadas – AEROMÉDICAS – temos um total que excede 250 atendimentos em pouco mais de 3 meses, superando as expectativas do gestores.

Não se pode esquecer das equipes médicas dos hospitais de referência, enaltecendo seu empenho, em especial os do Pronto Socorro da UNICAMP, maior destinatário, até o momento, das vítimas socorridas pela aeronave.


Fonte: por Hervem Hudson Bozello, BRpAe-Campinas.


- Anúncio -

1 COMENTÁRIO

  1. Parabéns aos amigos da BRPAe Campinas e a todos os demais colaboradores do Sistema.
    Fico feliz em saber que, após longos anos de batalha pela implantação, os resultados estão sendo alcançados com maestria.
    “VOAR PARA SERVIR”
    SIC

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários