Supercâmeras de aeronaves vão patrulhar as ruas do Rio

- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

A frota aérea da Polícia Militar do Rio de Janeiro entrou na era high-tec. Os três helicópteros do modelo Esquilo começaram, há duas semanas, a ser equipados com câmeras importadas de última geração, que vão ajudar no mapeamento das comunidades, montagem de operações e, inclusive, no monitoramento dos policiais em campo, permitindo ações com o menor risco possível.

As aeronaves estão sendo enviadas para Porto Alegre (RS) para a instalação dos equipamentos. E a tecnologia já tem data de estreia: a Copa das Confederações, que será realizada em junho.

Helicóptero compacto, considerado um dos melhores do mundo, será usado no treinamento de pilotos da PM | Foto: Severino Silva / Agência O Dia

O investimento está sendo aguardado há anos pela PMERJ. A segunda aeronave será enviada do Rio para o Sul do Brasil dia 12. As câmeras possuem tecnologia para capturar imagens digitais em alta resolução. A ideia é que o helicóptero dê suporte às operações, em distância segura, onde pode localizar bandidos e repassar as imagens, em tempo real, tanto para a aeronave blindada da corporação quanto para o Centro de Comando e Controle, o quartel-general de todas as ações.

Muito além de identificar criminosos, as filmagens vão permitir operações mais seguras para os policiais: através das informações enviadas pelas aeronaves a longa distância, as equipes em terra terão noção dos riscos e dos pontos mais seguros por onde podem progredir nas operações. O equipamento também é capaz de fazer imagens noturnas e registrar a movimentação de suspeitos através do calor de seus corpos.

No rastro dos investimentos para este ano, a PMERJ vai adquirir mais 12 helicópteros do mesmo modelo. A ideia é criar rotina de radiopatrulhamento aéreo na cidade, com as aeronaves monitorando pontos onde a incidência de crimes está alta.

O gigante da frota da PMERJ

O pontinho que sobrevoa o céu do Rio é um gigante que vai treinar a tropa da Polícia Militar. O mini-helicóptero Schweizer 300 CBi foi comprado pela Secretaria de Segurança para o treinamento de pilotos na Escola de Aviação (Esar) (sic) do Grupamento Aero Móvel (GAM). Apesar do tamanho compacto, é considerado por especialistas um dos melhores do mundo para instrução aérea.

O helicóptero é americano e custa R$ 1,2 milhão. Era um pedido antigo dos pilotos da Esar (sic). Antes dele, os policiais recebiam instruções teóricas em Niterói, mas os treinamentos práticos eram feitos em outros estados.

Fonte: O Dia por Vânia Cunha

- Anúncio -

1 COMENTÁRIO

  1. A aviação de defesa social no Brasil agradece ao Estado do Rio de Janeiro por mais este passo rumo à excelência em atividades aeropoliciais. Historicamente temos no Estado do Rio de Janeiro a figura de um Estado que vê a frente de seu tempo. Não foi à toa que o uso de aeronaves de asas rotativas para atividades de defesa social iniciou-se neste belissimo pedaço de céu, banhado por praias lindas, de gente calorosa e receptiva chamado Rio de Janeiro. Agora, frente à eventos esportivos de importância internacional a se realizarem no Brasil,(Copa do Mundo, Copa das Confederações e Olimpíadas) a PMERJ, através de seu Estado, demonstra mais uma vez sua preocupação com a prestação de serviços de qualidade e focado no acompanhamento das mudanças tecnológicas em prol de uma aviação segura, efetiva, moderna e profissional. Parabéns pela aquisições! Rtt. Tenente Tassinari – Comandante de Operações Aéreas – 3ª CORPAER/BTL RPAER/PMMG

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários