- Anúncio -

EUA – A unidade de inovação (DIU) do Departamento de Defesa dos Estado Unidos (U.S. Department of Defense – DoD) está trabalhando com a empresa Zipline International Inc. para a construção de um drone que tenha capacidade de ampliar a rede de distribuição de suprimentos e insumos médicos em áreas de conflito, desastres e crises humanitárias.

Com postos avançados no coração do Vale do Silício, Austin e Boston, a Defense Innovation Unit (DIU) serve como uma ponte entre os militares americanos que executam alguns dos mais difíceis desafios de segurança dos EUA e empresas que operam na vanguarda da tecnologia.

O trabalho do Departamento de Defesa com a empresa Zipline começou em 2018 e o objetivo é entregar suprimentos dentro do chamado “período de ouro”, tempo em que havendo ação de socorristas aumentam significativamente a chance de prevenir a morte.

A Zipline já opera em Gana e Ruanda, entregando sangue a hospitais rurais. A empresa usa pequenos aviões (aeronaves de asa fixa). Sua carga útil, geralmente uma caixa de sangue anexada a um pára-quedas, é descartada com o auxílio de robótica.

Os drones da empresa transportam até 4 libras (ou 1,75 kg) de carga, voam a até 68 mph (ou 110 km/h) em qualquer tempo e têm um alcance de ida e volta de cerca de 99 milhas (ou 160 km). Em Ruanda, os drones da Zipline voaram mais de 1 milhão de km e fizeram mais de 17.700 entregas.

A Zipline levantou recentemente US$ 190 milhões em financiamento e obteve uma avaliação de US$ 1,2 bilhão de seus investidores. O financiamento eleva o capital total da Zipline para US$ 225 milhões.

Com o novo financiamento, a Zipline poderá estabelecer centros de distribuição em 2.600 unidades de saúde em Ruanda e Gana até o final deste ano. E em breve estará realizando entregas de suprimentos médicos nos EUA, começando na Carolina do Norte, onde obteve permissão da FAA para fazê-lo.

A empresa prevê que o financiamento adicional irá apoiar a expansão global em toda a África, Sul da Ásia, Sudeste Asiático e nas Américas e posicionar a empresa para atender 700 milhões de pessoas nos próximos cinco anos.

A Zipline anunciou no final de abril que seu serviço, lançado em Ruanda há apenas três anos e expandido para Gana, tornou-se o maior serviço de entrega de drones médicos autônomos do mundo, cobrindo uma área que atende cerca de 22 milhões de pessoas.

- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários