Portugal – No sábado (24), uma equipe de ECMO do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC) deslocou-se a Faro para uma missão de transporte de paciente que se encontrava no hospital local, para ser tratado com suporte de ECMO (Oxigenação por Membrana Extracorpórea).

A missão foi realizada em colaboração com o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) e a Força Aérea Portuguesa. O paciente diagnosticado com pneumonia grave causada pelo vírus SARS CoV2 (COVID-19), necessitava do suporte de ECMO, uma vez que todas as medidas previamente implementadas não foram suficientes. Ele foi transportado em um avião C-130H (Esquadra 501 “Bisontes”) da Força Aérea Portuguesa.

O CHUC realizou ao longo da última semana o transporte de dois pacientes de Almada e outro de Guarda. Desde o início da pandemia, já foram tratados no CHUC cerca de 40 pessoas com ECMO. ECMO é uma técnica extracorporal de bypass cardiopulmonar, que permite o suporte cardíaco e pulmonar de doentes em falência cardiorrespiratória, com incapacidade para realizarem as trocas gasosas ou de perfusão, capazes de mantê-los vivos.

Força Aérea Portuguesa realiza transporte aeromédico de paciente utilizando ECMO
Força Aérea Portuguesa realiza transporte aeromédico de paciente utilizando ECMO.

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

cinco − dois =

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários