Mato Grosso participa da Operação Brasil Integrado

- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

Mato Grosso – Para fortalecer a segurança na fronteira do Brasil com outros países, o Governo Federal, por meio do Ministério da Justiça, desencadeou, entre os dias 4 e 5 de novembro, a Operação Brasil Integrado – Ação Fronteiras e Nordeste. A ação aconteceu simultaneamente nos 11 estados de fronteira e 9 do Nordeste.

Em Mato Grosso, foi empregado nos dois dias de operação um efetivo de 1.800 profissionais da Polícia Militar, Polícia Judiciária Civil, Corpo de Bombeiros, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Exército Brasileiro, Receita Federal, Grupo Especial de Fronteira (Gefron) e Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).

1415359493545cac05bc1db

Foram realizadas 165 barreiras e bloqueios ao longo da fronteira pela PRF, Gefron e Exército. Na ação integrada, 10 veículos oriundos de roubo ou furto foram recuperados. Quarenta pessoas foram presas e quatro menores foram apreendidos. Foram abordadas 5.119 pessoas e 3.608 veículos.

Ao todo, quase 100 quilos de entorpecente, sendo 85 quilos de cocaína e 13 de maconha, foram apreendidos.

Além das drogas, foram apreendidos durante a operação 10 armas de fogo, 554 munições, 47 veículos e 10 aparelhos eletrônicos. A polícia registrou também 33 autos de prisão em flagrante.

“O sucesso da operação deve-se principalmente a integração entre as instituições. Não trabalhamos sozinhos. Foram 20 estados atuando ao mesmo tempo, fazendo com que o alcance da efetividade da operação fosse muito maior”, destacou o secretário de Segurança Pública, Alexandre Bustamante dos Santos.

No balanço nacional, a operação resultou na apreensão de cerca de 5 toneladas de drogas, 100 armas de fogo, 1,7 mil munições e 427 veículos. Também foram presas 436 pessoas em flagrante ou em cumprimento de mandados.

Mais de 20 mil profissionais da Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros, Receita Federal, Ibama, entre outras instituições estiveram envolvidos na operação nos 20 estados brasileiros.

As equipes trabalharam em esquema integrado semelhante ao executado na Copa do Mundo e realizaram 70.357 revistas pessoais, 52.672 abordagens veiculares e 1.545 barreiras ou bloqueios policiais, todas com base em informação de inteligência e com respeito às leis e aos direitos humanos. Também foram cumpridos 221 mandados de busca, apreensão e prisão, e recuperados 141 veículos furtados ou roubados.

A Operação Brasil Integrado consiste numa parceria no setor de segurança pública entre governo federal e estados. O modelo, que surgiu do plano operacional adotado para a Copa do Mundo, será gradualmente expandido para todo o país, com a implementação de Centros de Comando e Controle regionais (CICCR) em todos os estados.

Fonte: CenárioMT.

- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários