- Anúncio -

Noruega – Na terça-feira (01), o primeiro helicóptero de busca e salvamento AW101 da Força Aérea iniciou sua operação na Base de Sola. Os helicópteros Westland Sea King que por quase 50 anos (Desde 1973) salvaram vidas na Noruega serão substituídos gradativamente.

Dos dezesseis novos helicópteros SAR (Search and Rescue) fabricados pela Leonardo Helicopters, oito já estão na Noruega e proporcionarão mais segurança às pessoas no mar, ao longo da costa, nas montanhas e em áreas remotas de todo o país. Para receber o primeiro helicóptero que inicia operações reais foi realizada uma cerimônia na base da Força Aérea de Sola.

Novos helicópteros AW101 iniciam operações de busca e salvamento na Noruega. Foto: Força Aérea.

Até o final de 2022, as Bases de Ørland, Banak/Lakselv, Bodø, Rygge e Florø também passarão a operar o AW101. Pela programação, a Base de Ørland da Força Aérea será a próxima a iniciar o treinamento de seu pessoal.

A tripulação do helicóptero de resgate AW101 é composta por seis pessoas. Dois pilotos, sendo um deles o comandante, um operador de sistemas, um mecânico, um salva-vidas e um médico anestesista. Na Noruega, os anestesistas também são responsáveis ​​pelos cuidados intensivos de pacientes gravemente feridos e medicina de emergência.

Por estarem em operação desde 1973, os helicópteros de resgate Sea King exigem muita manutenção em razão do desgaste das peças e por isso serão substituídos. Essa é uma versão licenciada do helicóptero americano Sikorsky SH-3D Sea King (S-61D) e que foi fabricado no Reino Unido pela Westland Helicopters.

A maior diferença do Sea King para o AW101 como helicóptero de resgate é a transição de um helicóptero analógico para um digital, disse o major e piloto na Base da Força Aérea de Sola, Pål Kullerud.

O serviço também trabalha em cooperação com a Cruz Vermelha, grupos de resgate alpinos, Ambulância Aérea da Noruega, Sociedade Norueguesa de Resgate Marítimo, Corpo de Bombeiros, polícia e hospitais. O helicóptero possui capacidade para transportar 25 passageiros, em uma velocidade do cruzeiro de 278 km/h para um alcance de aproximadamente 500 quilômetros.

- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários