Potiguar 01, através de termo de cooperação, atua em atendimentos médicos no RN

- Anúncio -

Rio Grande do Norte – Responsável pelo controle, operação e manutenção das aeronaves pertencentes à Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social do Rio Grande do Norte (Sesed), o Centro Integrado de Operações Aéreas (CEIOPAER) também tem realizado um trabalho em parceria com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência do Estado, o SAMU RN 192 RN.

Potiguar 01, através de termo de cooperação, atua em atendimentos médicos no RN

Através de um termo de cooperação técnica assinado entre Sesed e Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) foi possível disponibilizar o helicóptero Potiguar 01 para auxiliar no transporte de pacientes em todo o Rio Grande do Norte, como foi o caso de um bebê de apenas três meses nesta terça-feira (20). A criança precisou ser levada de Mossoró para um hospital de Natal para passar por uma cirurgia no coração.

“Os casos passam todos pelo setor de regulação do SAMU, nós somos a parte executante. O pessoal do SAMU recebe o chamado e avalia qual meio de transporte será necessário para aquele paciente. Se for um caso e urgência que precisa de transporte aéreo, a nossa equipe é acionada para prestar esse apoio”, explicou o capitão Romualdo Galvão, coordenador do CEIOPAER.

Além dos integrantes da aeronave, todos têm treinamento de resgate e salvamento. Um enfermeiro e um médico do SAMU 192 RN sempre acompanham durante os atendimentos. “A nossa equipe presta apoio para a equipe médica do SAMU, mas é a equipe do SAMU que faz todos os procedimentos com o paciente”, disse o coordenador do CEIOPAER, que lembrou que além de pacientes, o Potiguar 01 também faz o transporte de órgãos em casos mais urgentes.

Durante o ano de 2016, até esta terça-feira, 11 pessoas foram socorridas e três órgãos transportados pelo Potiguar 01.

Fonte: SESED/ASSECOM RN

- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários