- Anúncio -
Print Friendly, PDF & Email

São Paulo – Na tarde de sexta-feira (28), a Polícia Civil do Estado de São Paulo auxiliou em mais um transporte de órgãos vitais para transplante. Uma equipe do Serviço Aerotático (SAT) utilizou um de seus helicópteros Pelicano (SAT 5) para ajudar uma equipe médica a transportar um fígado e um pulmão.

A aeronave decolou com destino a Santa Casa de Misericórdia de Pindamonhangaba, onde embarcou a equipe de saúde e transportou até o aeroporto de São José dos Campos. De lá, os profissionais, com os órgãos, embarcaram em um avião com destino a São José do Rio Preto, onde o paciente aguardava para o transplante.

O apoio foi solicitado pela Central de Transplantes da Secretaria da Saúde, que possui um convênio com a Polícia Civil para este tipo de situação. O fígado foi implantado com sucesso, porém, o pulmão apresentou problemas e foi descartado.

“É extremamente gratificante o trabalho que realizamos. Saber que pudemos contribuir para salvar uma vida não tem preço. Lembro-me do meu primeiro transporte de órgão, quando ainda era copiloto, e auxiliamos a equipe médica a levar um coração para uma criança no Hospital da Clínicas. Quando nos aproximamos, pudemos ver os familiares acenando para nós”, destacou o delegado João Eduardo Felipe, comandante da aeronave.

Em ocorrências de transporte de órgãos, as equipes são compostas por um comandante, um copiloto e um tripulante, que é sempre um investigador formado em curso específico na Academia de Polícia.

- Anúncio -

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários