Águia 01 realiza salvamento de vítimas de queda de paraglider em Andradas/MG

Duas pessoas ficaram feridas após 2 paragliders (parapente) se chocarem no ar na tarde deste sábado (25), na mata fechada do Pico do Gavião, em Andradas, no Sul de Minas. Outras pessoas que praticavam o esporte no local acionaram os bombeiros para resgatar as vítimas.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, só foi possível efetuar o resgate uma hora depois do acidente, pois o local era de difícil acesso e eles tiveram que caminhar por uma trilha.

Os feridos foram levados em macas até o topo de outro morro, onde o helicóptero Águia 01 da Polícia Militar de São Paulo vindo da Base de Radiopatrulha Aérea de Campinas, interior de São Paulo, fez o resgate.

O instrutor de paraglider Neto Cristofoletti teve uma torção no pé enquanto o aluno dele Alexandre Gonçalves de Carvalho sofreu traumas na bacia e na lombar. Os dois, que são de Itu, também no interior de SP, foram levados para a Santa Casa de Poços de Caldas.

As causas do acidente não foram descobertas. Segundo os bombeiros, o instrutor já voa há 10 anos. As 2 vítimas passam bem e não correm risco de morte.

Fonte: G1 – Sul de Minas.

2 COMENTÁRIOS

  1. PARABÉNS AO CORPO DE BOMBEIROS DO ESTADO DE MINAS GERAIS E AOS VALOROSOS PROFISSIONAIS!

    E AOS COMPONENTES DO ÁGUIA!

    O CORPO DE BOMBEIROS DE MINAS GERAIS, SEM QUALQUER TIPO DE MELINDRE, TRABALHOU EM CONJUNTO COM O ÁGUIA DA PMESP PARA SALVAR VIDAS, QUE É O BEM MAIOR DA HUMANIDADE, SEM MEDIR ESFORÇOS!

    QUE A SOCIEDADE, AS ORGANIZAÇÕES DE SEGURANÇA PÚBLICA SEMPRE TRABALHEM DESSA MESMA MANEIRA!

    “AQUELE QUE SALVA UMA VIDA, SALVA A HUMANIDADE”

    “SEM CORAGEM,NÃO HÁ GLÓRIA”.

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

16 + quatro =

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários