SAER/PCERJ em apoio a região serrana do Rio de Janeiro (confira os vídeos)

RIO – A ajuda que vem dos céus. É dessa forma que muitos desabrigados em Teresópolis se referem aos policiais civis que, a bordo de um helicóptero blindado, têm resgatado corpos, sobreviventes e levado mantimentos a pessoas ilhadas. Dormindo pouco, o piloto do Serviço Aeropolicial (Saer) Adonis Lopes de Oliveira faz quase uma dezena de voos diários para ajudar quem ainda sofre as consequências da avalanche.

Acostumado a sobrevoar favelas durante confrontos, Adonis deixou os fuzis de lado e equipou sua aeronave, o helicóptero Huey II, com uma UTI móvel. A bordo, além do copiloto e de mais um policial, seguem o médico Leandro Ayres Castro e o enfermeiro Jorge Luiz Silva Souza, ambos da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core), da Polícia Civil.

A equipe não para. Ela já resgatou uma mulher em trabalho de parto, uma idosa numa cadeira de rodas e muitas outras pessoas que ficam de olhos nos céus, esperando socorro. Para Adonis, a recompensa maior veio quando a idosa, que morava no bairro de Campo Grande, já dentro do helicóptero sorriu, agradeceu e disse a ele que nunca havia voado na vida:

– Trazer pessoas com vida é uma grande satisfação, é um trabalho recompensado.

Voando entre montanhas e pousando em locais de difícil acesso, o médico Leandro Ayres não se limita a atender feridos. Quando a aeronave pousa, ele arregaça as mangas e leva aos desabrigados mantimentos, água e remédios.

Ver cadáveres de todos os tipos é uma rotina para o enfermeiro Jorge Luiz. Um resgate, no entanto, deixou o policial com lágrimas no olhos. Ele retirou de uma fazenda o corpo de uma menina de 6 anos presumíveis.

Entre as vítimas da enxurrada, houve até um colega: a equipe do helicóptero resgatou um policial civil que ficara ilhado na delegacia de São José do Vale do Rio Preto.


Fonte: Extra Online


3 COMENTÁRIOS

  1. Parabenizo a aviação do RJ e nos colocamos a disposição para somar neste momento de união e solidariedade. Um abraço e parabéns pelo uso sistemico do vetor aéreo.

    TC Gonçalves
    CONAV-SENASP
    2011-2012

  2. É MUITO CONFORTANTE VER OS CÓ-IRMÃOS ALADOS TOTALMENTE DISPONÍVEIS NO AUXÍLIO ÀS VÍTIMAS DA REGIÃO SERRANA DO RIO DE JANEIRO.
    NESSES MOMENTOS É QUE VEMOS QUE NÃO EXISTEM FRONTEIRAS QUANDO O ASSUNTO É SOCORRIMENTO PÚBLICO, E QUE OS NOBRES GUERREIROS DO AR, INDEPENDENTE DO ESTADO FEDERATIVO QUE ESTÃO SEDIADOS,SÃO ETERNAS SENTINELAS AVANÇADAS AO “BEM SERVIR”.
    AOS IRMÃOS QUE DEIXARAM O CONFORTO DE SEUS LARES, PARA ENFRENTAR O DESCONHECIDO E O INUSITADO, FAÇO VOTOS QUE NOSSO BOM DEUS OS PROTEJA E QUE OS LEVE EM SEGURANÇA DE RETORNO AO SEIO DE VOSSAS FAMÍLIAS APÓS O CUMPRIMENTO DA NOBRE MISSÃO.
    CAP PMPE ROMILDO – ASP92.

  3. Rio,23/01/2013.
    Parabéns!! A essa equipe maravilhosa, que a cada dia, com o seu trabalho ajuda essas pessoas que precisam cada vez mais de amparo nesse momentos mais difícieis levando esperança, fé, otimismo, coragem e acima de tudo competência e profissionalismo. Que Deus possa iluminar o caminho de cada um de vocês, que com essa equipe brilhante, nos passam forças para superar os obstáculos da vida, com sabedoria, dignidade. O nosso país precisa de pessoas como vocês!!! Abçs!! Att, Joyce O. Santos

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

8 + 3 =

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários