GTA/MA: Salvamento aquático de praticante de Kitesurf

São Luís – Por volta das 16:oo horas do dia 29 de Janeiro, o Grupo Tático Aéreo, GTA-MA, foi acionado para realizar um salvamento no mar. Um praticante de Kitesurf estava à deriva no mar e a correnteza o estava arrastando. Com a média de 20kt de ventos constantes na capital do Maranhão e mar com poucas ondas, a pratica do referido esporte é muito grande e cresce a cada dia.

O problema é que na época de chuvas, o vento para subitamente e pode pegar algum praticante de surpresa. O litoral Maranhense também possui a maior variação de maré do Brasil que pode chegar a 8 metros, ocupando até 400 metros de praia. São Luís é uma Ilha que tem entrada para duas baías, São Marcos e São José, que possuem fortes correntezas.

O surfista estava cansado e não conseguia nadar, pois estava atrelado ao equipamento, após a chegada da aeronave Esquilo do GTA/MA e do lançamento do Operador na água, o equipamento foi solto e o resgate foi realizado com sucesso.

Uma Viatura do SAMU foi acionada e deu continuidade ao atendimento. Posteriormente o equipamento foi resgatado pela equipe do Corpo de Bombeiros.

Tripulação:

Comandante: Kolmogoroff;
Copiloto: Guilherme;
Operadores: Elias(Salva-Vidas) e Jansen(Embarcado).


Fonte: Resgate Aéreo.


3 COMENTÁRIOS

  1. É MUITO GRATIFICANTE LER RELATOS DE SUCESSOS DE “IRMÃOS-DO-AR”.
    PARABÉNS POR MAIS UMA MISSÃO CUMPRIDA COM SEGURANÇA, E EM ESPECIAL AO AMIGO GUILHERME, O QUAL CONTINUA A BUSCAR SEU SONHO.
    VALEU IRMÃO !!!
    CAP PMPE ROMILDO – ASP92.

  2. Parabéns ao combatentes do Ar do GTA-MA, e em especial ao amigo Guilherme, que apesar das adversidades , e obstáculos que lhe foram impostas em seu próprio Estado de origem, está alçando vôos cada vez mais altos graças ao profissionalismo da co-irmã PMMA. Felicidades à todos.

Escreva um comentário

quatro × 4 =

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.
Ao enviar esse comentário você concorda com nossa Política de Privacidade.

Comentários

comentários