Movimento Maio Amarelo é lançado em Porto Velho com ação coletiva

Rondônia – O Movimento Maio Amarelo foi lançado em Porto Velho na segunda-feira (11), às 9h, no Espaço Alternativo. Durante o evento, o Núcleo de Operações Aéreas (NOA) da Secretaria de Estado de Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec) fizeram uma demonstração de resgate de vítimas de trânsito com a utilização de helicóptero. A atividade foi aberta ao público como forma de difusão das ações de segurança de trânsito e na busca de adesões ao Maio Amarelo.

O Movimento é internacional e tem como principal objetivo chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo. Idealizado em 2011 pela Organização das Nações Unidas (ONU), o Maio Amarelo é reproduzido em mais de 100 países.

IMG-20150507-WA0039

A ação visa unificar o Poder Público e a sociedade civil colocando em pauta a temática segurança viária, promovendo a mobilização da sociedade com o comprometimento de diversos segmentos. Para o diretor-geral do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-RO), José de Albuquerque Cavalcante, essa unidade e comprometimento são necessários para minimizar os índices de acidentes e criar um novo comportamento nos condutores.

O secretário de Estado da Saúde, Williames Pimentel, destacou a necessidade de conter os acidentes porque o reflexo final da imprudência no trânsito aumentam a demanda na saúde pública. Pimentel estima que 40% da demanda nas unidades de urgência e emergência são acidentados.

O médico do Pronto-Socorro João Paulo II, Marcos Berti, alerta que a quantidade de cirurgias realizadas mensalmente na unidade, além de gerar altos custos, estrangula o planejamento da Sesau nas realizações de outros procedimentos cirúrgicos eletivos de pacientes que estão em listas de espera.

PARCEIROS

As adesões ao Movimento Maio Amarelo crescem diariamente, envolvendo pessoas, instituições e empresas que estão preocupadas com a causa trânsito. Até o momento, já estão consolidadas parcerias do Detran-RO com a Polícia Militar, através da Companhia Independente de Trânsito; Sesdec, por meio do Núcleo de Operações Aéreas (NOA), Secretaria de Estado da Educação (Seduc), Departamento de Comunicação do Governo do Estado (Decom), Corpo de Bombeiros, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Secretarias Municipais de Saúde (Semusa) e de Trânsito (Semtran), Universidade Federal de Rondônia (Unir), Sesau, Movimento Abrace Porto Velho, entre outros.

Fonte: Portal de Notícias Governo de Rondônia.

Escreva um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

4 × 1 =

Comentários que contrariem a lei, a honra e a intimidade serão moderados.

Comentários

comentários